Quarta-feira, 25.08.10

Letra
E numa prisão em si
Não saindo do que é seu
Foi esquecido
Adormeceu

À procura do amanhã
Andam homens inseguros
Erguem escadas
Partem muros

A nós os montes imundos
Dêem-nos os vales profundos
Sítios onde vê
Impossível ir
Ergam escadas
Partam Muros



publicado por olhar para o mundo às 12:00 | link do post | comentar

Quinta-feira, 03.06.10



publicado por olhar para o mundo às 12:00 | link do post | comentar

Sábado, 03.04.10



publicado por olhar para o mundo às 12:00 | link do post | comentar

Terça-feira, 19.01.10

 

Letra

 

Todos temos Amália na voz

António Variações

 

Fiz dos teus cabelos a minha bandeira

Fiz do teu corpo o meu estandarte

Fiz da tua alma a minha fogueira

E fiz, do teu perfil, as formas de arte

 

Fiz das tuas lágrimas a despedida

Fiz dos teus braços a minha dança

Deo o teu sentido à minha vida

E o grito dei-o ao nascer de uma criança

 

Todos nós temos Amália na voz

E temos na sua voz

A voz de todos nós

 

Dei o teu nome à minha terra

Dei o teu nome à minha arte

A tua vida à primvera

A tua voz à eternidade

 

Todos nós temos Amália na voz

E temos na sua voz

A voz de todos nós

 

A tua voz ao meu destino

O teu olhar ao horizonte

Dei o teu canto à marcha do meu hino

A tu voz à minha fonte

 

Todos nós temos Amália na voz

E temos na sua voz

A voz de todos nós

 

Dei o teu nome à minha terra

Dei o teu nome à minha arte

A tua vida à primvera

A tua voz à eternidade



publicado por olhar para o mundo às 12:00 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Terça-feira, 08.09.09

 



Letra

 

E eeeh Su uuuuH 
E eeeh Su uuuuh 
Há sempre um piano 
Um piano selvagem 
Que nos gela a coração 
E nos traz a imagem 
Daquele inverno 
Aquele inferno 
Há sempre a lembrança 
De um olhar a sangrar 
De um soldado perdido 
Em terras do ultramar 
Por obrigação, naquela missão 
Combater na selva, sem saber porquê 
E sentir o inverno, de matar alguém 
E quem regressou, guarda a sensação 
Que lutou, numa guerra sem razão 
Sem razão, sem razão... 
Há sempre a palavra 
A palavra nação 
Que os chefes trazem e usam 
Para esconder a razão 
Da sua vontade, daquela verdade 
E para eles aquele inverno 
Será sempre o mesmo inferno 
Que ninguém poderá esquecer 
Ter que matar ou morrer 
Ao sabor do vento, naquele tormento 

Perguntei ao céu, será sempre assim 
Poderá o inverno nunca ter um fim 
Não sei responder só talvez lembrar 
O que alguém que voltou, vem contar 
Recordar, recordar...



publicado por olhar para o mundo às 11:59 | link do post | comentar

Quarta-feira, 22.07.09

 



Letra

 

Mais do que a um país 
Que a uma família ou geração 
Mais do que a um passado 
Que a uma história ou tradição 
Tu pertences a ti 
Não és de ninguém 

Mais do que a um patrão 
Que a uma rotina ou profissão 
Mais do que a um partido 
Que a uma equipa ou religião 
Tu pertences a ti 
Não és de ninguém 

Vive selvagem 
E para ti serás alguém 
Nesta viagem 

Quando alguém nasce, 
Nasce selvagem 
Nãoé de ninguém



publicado por olhar para o mundo às 12:01 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Música Portuguesa do dia ...

Música Portuguesa do dia:...

Música Portuguesa do dia:...

Música Portuguesa do dia:...

Música Portuguesa do dia:...

Música Portuguesa do dia:...

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

todas as tags

Related Posts with Thumbnails
blogs SAPO
subscrever feeds
comentários recentes
Moro no Porto gosta de saber se há este tipo de cu...
Olá Boa tarde eu ultimamente não sinto prazer sexu...
Gente me ajudem nao sei oq fazer eu tenho meu mari...
joga na minha conta entaomano
Eu es tou dwsssssssssvzjxjshavsvvdvdvsvwhsjdjdkddd...
Quero fazer uma pergunta referente ao tema e é pro...
fala comigo
Essa papelaria em Queijas da muito jeito chamasse ...
ai mano to nessa como faz???
Gostaria de saber oque fazer quando a criança nega...
Posts mais comentados