Quinta-feira, 05.05.11
Entre quatro paredes vale tudo


Sexo não é tabu para todo mundo não! E essa história de que entre quatro paredes vale tudo não é clichê. Há muita gente por aí que deixou de lado o padrão do certo e errado imposto pelas gerações passadas e não tem mais medo de revelar o que gosta e o que não gosta, o que quer e o que não quer fazer.

 

Mas desde que seja entre quatro paredes...

 

Ana é publicitária, tem 30 anos e já começa dizendo que não lembra quantos anos tinha quando se masturbou pela primeira vez. "Faço isso desde que me conheço por gente", revela. "Sozinha, com suas fantasias e a garantia absoluta de que mais ninguém saberá o que aconteceu é o cenário perfeito para transar com você mesma, conhecer seu corpo, seu ritmo... se descobrir".

 

A publicitária afirma que, às vezes, curte uma coisa mais selvagem, com tapas e palavrões, e outras vezes curte algo mais romântico, lento e com voz baixa. "Não há porque fazer um manual do sexo. É necessário se conhecer para saber respeitar os seus limites e o seu tempo. Mas sem preconceito, ansiedade ou culpa. O que vale sempre é gozar e ver o outro (ou os outros) gozar".

 

Eduarda, artista plástica de 29 anos, acredita entre quatro paredes vale tudo, tudo mesmo. "Uma vez fui ao motel com um casal de amigos (casados). Confesso que foi alucinante, diferente, mas não sou lésbica e nem gosto de mulheres", afirma. "Nós usamos fantasias, brincamos com a mente dele, fizemos sexo com ele, o seduzimos e o deixamos se sentir o cara, já que estava transando com duas!", conta.

 

Para quem não quer inovar tanto, a artista plástica dá outras dicas: "Acho que podemos brincar com a mente dos homens, como contar histórias quentes de algum casal conhecido e imaginar diferentes situações - sexo junto com eles ou somente com ela - enfim, aonde a imaginação chegar!", conta. "Assistir a filmes pornôs na hora do ato deixa o homem excitado na maioria das vezes", sugere.

 

Marcela Vieira, estudante de 19 anos, disse que vale variar de posições e apostar em fetiches, como algemas, chicotes, fantasias, máscaras e camisolinhas sensuais. "Outra opção são as brincadeirinhas tipo os dadinhos", completa. Ah, e nem pense que a diversão com doce de leite é coisa de BBB não. E mais: dá para incluir um bom toque de romantismo.

 

"Uma vez meu namorado fez uma surpresa no motel. Fui ao banheiro e ele me trancou lá. Quando abriu a porta, havia um caminho lindo de flores, com morangos, leite moça, doce de leite... Brinquei muito com esses docinhos", lembra feliz.

 

Via Vila Dois



publicado por olhar para o mundo às 12:40 | link do post | comentar

Terça-feira, 22.03.11

Dê lhe a volta à cabeça... na cama

 

Umas "jogadas" mais arrojadas no campo do sexo e nem vai reconhecer o homem que tem a seu lado

 

*Mantenha algumas peças vestidas. Podem ser umas meias, um soutien, uma tanga. Não mostre logo todos os seus trunfos porque aquilo que se adivinha e não se vê é um poderoso afrodisíaco, Outra possibilidade consiste em sair de casa... sem nenhuma lingerie vestida, mas apenas o revelar na altura certa (numa situação pública, como no restaurante, em que ele não pode fazer nada...!).

*Sussurre-lhe ao ouvido aquilo que quer que ele lhe faça. Pode usar todas as palavras, mesmo aquelas que jamais se atreveria a dizer em voz alta.

*Tome o control. Há ou não uma Mrs Robinson dentro de nós? Mostre-lhe aquilo que ele nem podia sonhar que você era capaz de fazer.Porque existem momentos em que ele deve simplesmente assistir...

*Coloque um espelho no quarto para ele a conseguir ver.. de todos os ângulos. Afinal, os olhos também têm direito a gozar.

* Fujam a toda a velocidade da rotina. Nada de chegar a casa e despachar o jantar, quando podem fazer um pequeno desvio... e ficar um pouco pelo quarto. Ou tomar um duche juntos enquanto relaxam do stresse causado por um dia de trabalhos. O pensamento chave consiste em quebrar rotinas.

 

Via Activa.pt


publicado por olhar para o mundo às 21:01 | link do post | comentar

Sexta-feira, 11.03.11
Quando a fantasia sexual vira traição


Tirar os pés do chão e pensar em outros homens - sejam eles celebridades ou amigos próximos - nem sempre é sinal de que a fidelidade ao seu parceiro está sendo deixada de lado.

 

Se analisarmos as fantasias pelo lado bom, ela ajuda a apimentar a relação e a melhorar o envolvimento com o parceiro.

 

Na verdade, as fantasias são mais comuns do que se imagina. "Pode ser algo até saudável. Quando a fantasia for esporádica não representa ameaça para a relação. O problema surge quando uma pessoa passa a querer realizar esse desejo com outra pessoa que não a parceria, o que muda totalmente o quadro", alerta o psicólogo e psicoterapeuta Marcelo Toniette.

Ter uma fantasia não significa necessariamente uma atração. A fantasia remete-se mais a um aspecto subjetivo, sendo que a atração já parte para algo mais físico, mais intenso. "Desse modo, fantasiar é imaginar, criar mentalmente situações que nos gerem sensações das mais diversas. Cada pessoa tem uma forma e intensidade própria de praticá-la. E utilizar este recurso pode fortalecer ainda mais a intimidade e a felicidade do casal", garante o psicoterapeuta.

 

E quando a mulher para de fantasiar e passa a sentir atração física por outro homem, já é indício de que algo não anda bem no relacionamento. Segundo o especialista, a traição, de certo modo, acontece antes mesmo de uma atração física por outra pessoa. "Muitas vezes essa atração surge quando a relação já está desgastada, ou mesmo atravessa um momento de crise, e os parceiros não se dão conta de que é longa a distância entre eles", comenta.

O psicólogo diz ainda que quando este distanciamento não é resolvido por ambos, um dos parceiros procura uma alternativa - entrega-se à atração por outra pessoa como meio de encontrar a satisfação - quebrando o contrato de fidelidade firmado no início do relacionamento.

 

"A atração sexual por outra pessoa mostra que já passou da hora de o casal procurar novas possibilidades que favoreçam a relação". E esclarece: "Quando se percebe um aumento na frequência e na intensidade da atração, o casal precisa tomar fôlego e lidar com a situação, a fim de encontrar formas de fortalecer a relação, caso este seja o desejo dos dois. Caso contrário, é preciso analisar se este não é momento certo de cada um trilhar caminhos distintos", orienta Toniette.

 

Via Vila Dois



publicado por olhar para o mundo às 21:01 | link do post | comentar

Terça-feira, 25.01.11

Sexo, homens preferem mulheres rejeitadas por outros

 

Leitora, se seu namorado terminou com você e não o contrário, anime-se: será mais fácil para você arranjar um substituto! Segundo um novo estudo, homens preferem mulheres que levaram um “pé”.

 

De acordo com a pesquisa, saber que sua pretendente deu um fora no ex-namorado deixa os homens mais nervosos.

 

Já no caso das mulheres, elas preferem aqueles que deixaram as namoradas e não os que foram “deixados”.

 

A autora do estudo, Christine Stanik, da Universidade de Michigan, acredita que as mulheres sentem um certo “status social” quando ficam com um cara que terminou o relacionamento anterior, já que ele estaria procurando alguém melhor (e ela seria, potencialmente, esse alguém melhor).

 

Para conseguir os resultados Stanik pediu que voluntários acessassem um site falso de relacionamento, criado apenas para a pesquisa, e apontassem as pessoas que mais combinavam com eles, de acordo com a informação que os “usuários” tinham em seu perfil. Nos perfis havia várias informações, desde cor favorita, sabor de sorvete preferido até a causa do fim do relacionamento anterior.

 

Quase 200 pessoas fizeram o teste, que indicou que mulheres achavam homens que haviam dispensado suas ex-namoradas mais atraentes, enquanto o contrário funcionava para eles.

 

Segundo Stanik, ainda há outro possível motivo para o resultado da pesquisa: por uma certa “tradição” social, espera-se que o homem seja a figura dominante do relacionamento, então tanto homens quanto mulheres inconscientemente desaprovam quando são elas que terminam o relacionamento passado.

 

Via Hypesciense



publicado por olhar para o mundo às 21:03 | link do post | comentar

Quinta-feira, 20.01.11

Alimentos afrodisiacos

 

Afrodisíacos são substâncias ou odores que podem aumentar o desejo sexual ou elevar a potência masculina. Uma comida gostosa e saudável, preparada com especiarias, pode, sim, estimular a paixão.

Algumas dessas especiarias podem ser usadas para aguçar e criar um clima para se chegar a uma boa transa, pois produzem cheiros que ajudam a elevar a vontade de fazer sexo. Exemplos: açafrão, cravo, noz moscada, pimentas de vários tipos, gengibre, tomilho, canela, aipo, mostarda, coentro.

Existem alimentos que aumentam a produção dos espermatozoides e dos hormônios sexuais, como o da secreção lubrificante vaginal, estimulando ainda mais a vida sexual dos casais.

É o caso das ostras frescas, um alimento energético que contém pouca gordura. Isso aumenta a disposição para o sexo, mas, para uma vida sexual ativa, é preciso conciliar a prática de atividades físicas a uma alimentação balanceada que evite açúcar e gorduras saturadas.

 

Via Hora



publicado por olhar para o mundo às 21:03 | link do post | comentar

Quinta-feira, 23.12.10

sexo, como fazer que ele a convide a sair

 

- Convide-o você

Pronto, vamos já despachar a alínea politicamente correcta que diz que as mulheres podem muito bem convidar os homens, o que é absolutamente verdade, mas como nenhuma mulher o faz, e se fizesse não estava aqui a ler isto, vamos já esquecer e passar à frente para dicas verdadeiramente práticas.

- Desactive o medo

O seu e o dele: é o primeiro mandamento, porque, como vimos na lição nº1, eles têm mais medo de levar uma tampa do que ficar para sempre sem a respectiva panela. Por isso, pense em ligação e não atracção: crie oportunidades para estar com ele que não passem por longos e desconfortáveis momentos a sós em que ele procura desesperadamente a saída de emergência. Não force a barra. As coisas devem ser naturais. Se não der, não deu. Ai mas não vamos já pensar nisso.

- ... mas cuidado com os ‘amiguinhos'

Ele tem de se sentir confortável consigo mas não tão confortável que estar consigo seja como estar com a mãezinha dele, o melhor amigo, a prima Ritinha ou basicamente qualquer pessoa a quem se possa dar palmadões nas costas e com quem se possa estar a sós sem um estremecimento de alma a discutir as tácticas do Jesus. Se ele conseguir olhá-la nos olhos sem uma alteração de energia na sala, talvez seja melhor seguir o exemplo divino e mudar de táctica antes que o campeonato esteja perdido.

- Elogie-o

É uma das mais antigas tácticas, porque toda a gente gosta de estar com quem nos aprecia, e ninguém quer passar muito tempo com alguém que só sabe olhar na direcção do próprio umbigo.

- Interesse-se por ele

Tá bem, ele é lindo e um amor de pessoa e definitivamente o seu príncipe, mas de que é que ele gosta ao certo nesta vida? Surfe? Álgebra espacial? The Killers? Interesse-se também mas atenção que convém ser sincera: os interesses dele não têm necessariamente de ser os seus. Se bater as palmas de alegria e o acompanhar numa prova de BTT todo o-o-terreno pelas serranias de Sintra para ver estorninhos-bebé ao pôr-do-sol, depois não se queixe se tiver de passar todos os fins-de-semana com nódoas negras nos tornozelos ou a arranjar desculpas esfarrapadas e a ouvi-lo: "atão mas tu ao princípio gostavas tanto de desportos radicais... até disseste que a tua heroína era a Elizabete Jacinto...."

- Dê uma ajudinha

Se estiver permanentemente emparedada num grupinho de meninas todas aos risinhos, ou numa reunião de executivos cada um mais engravatado que o outro, não espere que ele fure a muralha de aço para se rojar aos seus pés. Crie oportunidades para se encontrar a sós, e largue uma indirecta que ele possa agarrrar, tipo ‘Gostava mesmo de ir ver o filme do Brad Pitt'. Os homens são primários mas não são TÃO  primários. Se ele deixar cair a dica, é porque, por qualquer razão, ainda não está preparado para a convidar, o idiota.

- Não tenha um ar desesperado

Os homens funcionam melhor se não acharem logo que você está de garras esticadas prontinha para o fisgar na primeira oportunidade. Desactive o Mecanismo de Defesa Da Fêmea Desesperada: combine qualquer coisa não-romântica. Peça-lhe ajuda com o computador, pergunte-lhe se quer vir num passeio de grupo. Esta é relativamente segura: se ele não a agarrar, tenha paciência mas não está mesmo nem aí.

- Seja uma boa companhia

Escusado será dizer, não seja uma chata, não olhe para ele fixamente como se fosse uma vampira e lhe fosse cravar os dentes na carótida daqui a nada, tenha conversa, tenha graça, e se possível, tenha o cabelo arranjadinho. Se for ainda mais possível, tenha frio e anuncie-o. Se ele assobiar para o lado (partindo do princípio de que não é surdo), esqueça. Não é o homem da sua vida. Vá para casa antes de apanhar gripe A.

- Seja realista

Se ele não consegue ter uma conversa confortável consigo, é porque se calhar esta não é a melhor altura para saírem juntos. Se calhar ele tem outra (e não se esqueça que há várias maneiras de ter outra, desde a ter na cama até tê-la apenas na cabeça, no desejo ou na memória...), se calhar não gosta assim tanto de si, se calhar vê mal, se calhar tem um medo pânico de lhe calhar na rifa alguém com quem tenha de se comprometer a sério, se calhar acha que você tem 'casamento' escrito na testa, se calhar você é uma mulher séria e ele tem fobia a mulheres sérias (dão-lhe azia), se calhar você não é tão séria como isso e ele tem fobia a essas também, se calhar ele gosta mais da sua amiga Joaninha, se calhar corre-lhe mal a vida, se calhar é gay, se calhar Marte não está alinhado com Vénus, se calhar pura e simplesmente não lhe apetece. Esqueça e ande para a frente.

- Olhe à volta

As nossas avós diziam: ‘o homem que merecer as suas lágrimas nunca a fará chorar'. Enfim, se não diziam isto, deviam dizer qualquer coisa parecida. Se o palhaço nº 1 não a apreciar, é porque não a merece. Neste momento, isso não a consola? Olhe à volta: provavelmente, há mais 5 palhaços à espera de fazerem habilidades no seu circo, à espera que páre de rebolar os olhos para cima do idiota que não lhe liga nenhuma e que se volte para quem realmente a aprecia. Não? Enfim, não custa estar atenta,e pelo menos sempre deixa de pensar no caramelo.

- E se a coisa pegar?

Ele convidou-a? Não pegue logo no telemóvel Hello Kitty para contar a todas as suas amigas, à mãe, à tia Joana e às suas duas primas na Argentina. Relaxe e compre um vestido novo para celebrar. A propósito, esteja atenta porque em breve vamos apresentar o episódio nº 3 da saga, nomeadamente sobre o que vestir e não vestir numa altura importante da sua vida.

 

VAI PRECISAR DE:

- Sorriso

- Confiança

- Roupa gira e confortável

- Genuíno interesse na vítima

- Personalidade positiva

 

Via Activa



publicado por olhar para o mundo às 21:03 | link do post | comentar

Quarta-feira, 15.12.10

troquei o meu marido por um iPad

Por mais incrível que possa parecer, troquei o meu marido por um iPad. Hoje sou uma mulhermais feliz, já que o iPad tem muitas mais qualidades do que a maioria dos homens alguma vez terá.

Foi amor à primeira vista, pelo menos da minha parte. Quando o conheci achei-o logo fascinante. Cheio de classe e cheio de graciosidade. Características que o tornam único.

Antes dele eu já era apaixonada pelo iPhone. Para ser franca, era acusada constantemente pelo meu marido que o estava a trair com o iPhone. Talvez com alguma razão, pois e é certo que não o largava e que ocupava grande parte do tempo com ele.

No entanto, na realidade não passava de um simples amante para passar o tempo. Até porque o iPhone não me preenchia por completo. Tinha algumas limitações, como o tamanho, por exemplo.

Agora com o iPad tudo é diferente. Agora sim, posso dizer de boca cheia: "Senhor meu marido, praticamente já não preciso de si". O iPad tem tudo o que preciso para me realizar. Ou pelo menos quase tudo.

Por que me apaixonei pelo iPad

 

As razões são muitas. São tantas que quase se torna difícil enumerar.

Ele é lindo. Tem muita classe. É único. Possui uma enorme leveza de espírito. É versátil e sobretudo inteligente. Muito inteligente. Vai sempre direto ao assunto e por isso não precisa de rodeios. É sincero e fiel: O meu, é mesmo só meu!

Além de inteligente, possui uma enorme cultura em várias áreas. Tantas quanto eu quiser que tenha.

E são temáticas específicas e variadas, com aplicações muito reais em áreas como: Entretenimento, informação, ciências, utilidades, saúde e mais... muito mais. Como se isso não bastasse, o meu iPad dá-me sempre todas as notícias em cima da hora ao longo do dia.

Ele guia-me a qualquer sítio direitinho. Aconselha-me que roupa devo vestir e dá-me diariamente a previsão do tempo. Conta-me histórias, mostra-me filmes, dá-me música e até, imaginem, me declama poesia.

E a paciência dele? É uma coisa por demais. Responde-me sempre a todas as questões e tira-me todas as dúvidas. Nunca reclama comigo por eu perguntar o mesmo mais do que 100 vezes e, além disso, adapta-se sempre às minhas necessidades.

Permite-me fazer alterações naquilo que eu quiser e nunca me diz que está cansado ou saturado. Ele não precisa de descanso. Só de alimento rápido de vez em quando, pois carrega-se em menos de uma hora.

Aceita as roupas que eu lhe quiser vestir, não tem mau hálito e não precisa de tomar banho.

Mas acima de tudo isto está uma a qualidade que me fez realmente passar completamente da cabeça e me leva a apaixonar loucamente por ele, ao ponto de achar que me pode levar ao altar: É altamente sensível ao toque.

 

Via A vida de saltos Altos



publicado por olhar para o mundo às 08:00 | link do post | comentar

Segunda-feira, 23.08.10

sexo, acabe com a rotina na sua relação

 

1. Rapidinha vapt-vupt

Por que vale a pena?
Este tipo de sexo é perfeito para aliviar as tensões e satisfazer o desejo a qualquer hora! Vale deixar o preconceito de lado e experimentar. Imagine, por exemplo, que sua casa está cheia, mas um beijão esquenta o clima entre você e o parceiro. Por que não levá-lo ao banheiro ou a um cômodo vazio e fazer a festa? Mostrar ao rapaz todo o seu tesão vai excitá-lo ainda mais. 

Acerte em cheio
Há duas boas posições para a rapidinha. Em pé, de costas para o parceiro, curve-se em direção a uma parede ou mesa e deixe que o gato penetre-a por trás. O papai-e-mamãe também funciona, pois o homem controla a velocidade da penetração – que deve ser mais rápida! Vale ter um lubrificante para apressar as preliminares, pois talvez não dê tempo de se aquecer. 

2. Jogo dos sentidos


Por que vale a pena?

Normalmente, durante a transa, ninguém se esforça para estimular a audição e o paladar – afinal, o tato e a visão sempre saem ganhando. Por isso, separar um período do sexo para ativar todos os sentidos pode fazer uma diferença e tanto! Só assim você descobrirá algumas sensações novas e conhecerá melhor o moço, criando mais intimidade entre o casal. 

Acerte em cheio

Vamos instigar todos os sentidos? Olfato Acenda uma vela cheirosa no ambiente e use um perfume ou creme hidratante gostoso. Tato Vista uma lingerie de renda para estimular o toque dele. Visão Aposte em luz suave para um clima de sensualidade. Audição Diga frases sexies para atiçar a imaginação dele. Paladar Coma morango ou chocolate no corpo do gato. 

3. Amor devagarzinho

Por que vale a pena?
Explorar o corpo do parceiro e deixar que ele faça o mesmo com você é importantíssimo! Para isso, não meça esforços e marque um fim de semana romântico, por exemplo. Com tempo e tranquilidade, vocês poderão aproveitar melhor o momento para turbinar as sensações de prazer de ambos.

Acerte em cheio

Antes de se entregarem ao sexo, comecem a estimular um ao outro: a troca de olhares e de toques os deixará mais ansiosos para a hora H! Quando estiverem juntos, não tenham pressa para terminar. Escolha uma posição confortável e fale o que deseja que ele faça – e diga que também atenderá os pedidos do gato. Ao demorarem para atingir o orgasmo, vocês dois aumentarão a intensidade dele depois. Oba! 

4. Seja dominada por ele

Por que vale a pena?
Se você nunca se entregou totalmente ao parceiro, está na hora de tentar. Em geral, o homem fica extremamente excitado quando se sente no comando da situação. E, assim, seu parceiro se esforçará ainda mais para levar você à loucura! Ou seja: os dois ganham. Dê poder ao seu amado e veja o resultado.

Acerte em cheio
Como é a vez do maridão de assumir as rédeas da transa, escolham posições nas quais ele estará por cima. Para a entrega ser total, afaste as mãos, colocando-as atrás da cabeça. Tal postura deixa claro que você está dispo sta ao que ele sugerir. Seu amado ficará elétrico ao perceber que tem a sua confiança. 

5. Domine seu homem


Por que vale a pena?

Seu homem é daqueles que sempre quer mandar na relação? Então, mostre a ele o que você deseja secretamente! Além de realizar as fantasias que sempre quis, você vai surpreendê-lo com a postura de dominadora. 

Acerte em cheio
Para que você tenha o controle, prefira ficar por cima do bonitão. Peça a ele que deite na cama e sente-se por cima, mantendo uma perna de cada lado. Nesta posição, você poderá decidir o ritmo da penetração: tente variar entre mais rápida e mais lenta. Como o gato estará com as mãos livres, peça-lhe que acaricie seu clitóris, aumentando seu prazer. E, claro, não se esqueça de ter uma postura confiante e segura – veja a si mesma como uma deusa do sexo! 

6. Pegada selvagem


Por que vale a pena?

Uma transa que abala até as estruturas da cama é sempre bem-vinda! Quando o gato não economiza na pegada, você se sente desejada e irresistível por ele não conseguir se controlar. Além de aumentar muito sua autoestima, esse tipo de sexo permite que você libere todos os instintos e mostre ao parceiro tudo que está sentindo com gemidos e sons altos. 

Acerte em cheio
Escolha posições que remetam ao instinto animal: uma boa opção é começar de quatro. Deixe claro que está prontinha ao pedir que ele segure em sua cintura para ditar o ritmo dos movimentos. Se quiser esquentar ainda mais (e confiar no moço), peça que ele puxe um pouco seu cabelo. Não deixe de gemer conforme seu prazer for aumentando. 

7. Tudo à mostra

Por que vale a pena?

Chega de ter medo de transar com as luzes acesas! A claridade, afinal, faz você prestar atenção em cada reação do gato e perceber de quais toques ele gosta mais. Além disso, os homens se excitam ao ver a mulher em ação. E, caso não esteja em forma, não se preocupe: se o parceiro está com você é porque sente tesão por seu corpo! 

Acerte em cheio
Peça para ele se sentar na cama e sente-se por cima dele de frente, colocando as pernas atrás das costas dele. Além de ficarem juntinhos, nesta posição nenhuma imperfeição ficará tão exposta e você se sentirá segura para aproveitar tudinho! Quer colocar mais fogo? Aproveite as luzes acesas e se masturbe, mostrando a ele como gosta de ser tocada. Ele vai adorar! 

Consultoria: Fernanda Pauliv, palestrante, sócia e consultora do Joanah Pink Centro Integrado da Mulher (www.joanahpink.com.br); Maria Luiza Cruvinel Moretti, sexóloga e terapeuta de casais

 

Via amor e sexo



publicado por olhar para o mundo às 21:02 | link do post | comentar

Quarta-feira, 18.08.10

Como chegar ao orgasmo

 

Que tal chamar o gato para explorar seu corpo? No banho, peça que ele descubra sozinho o que deixa você excitada! "Massagens e toques fora do ato sexual são fundamentais para o conhecimento dos parceiros", explica Celso. E quem sabe o clima não esquenta mais, né?!

Ah, as posições...
Nem sempre você precisa fazer um malabarismo na cama para que a transa valha a pena. Posições confortáveis com certeza trarão o desejado orgasmo. Escolha qual delas quer colocar em prática hoje!

1. Bem relaxada
Você fica com as costas apoiadas na cama. O gato deve deitar-se ao seu lado, mas de frente para você. Dobre as pernas por cima dele, na altura do quadril e encaixe. Esta posição é ótima para quem precisa de tempo para gozar, pois o sexo pode durar mais sem cansar. Além disso, você e o gato têm as mãos livres para estimular seu clitóris.

2. Sentada de costas

Com o gato deitado de costas na cama, sente-se por cima dele, mas de costas para o rosto dele. Deixe as pernas juntas e os pés apoiados entre as pernas dele. Feche bem as pernas, pois o encaixe entre você fica mais apertado e as sensações são mais intensas. Use a mão para estimular o clitóris.

3. Você controla

O gato senta no chão com as pernas estendidas. Você senta-se sobre ele, de frente para o gato, com joelhos apoiados no chão. Use os braços e as pernas para se movimentar. A vantagem desta posição é que você escolhe a velocidade e o ângulo da penetração. Para turbinar as sensações experimente mover-se não só para cima e para baixo, mas também para frente e para trás. Acertar em cheio o ponto G inclinando o corpo para trás.

4. De conchinha

Deite-se de lado e deixe o gato agarrá-la por trás. Em vez de mover o pênis para dentro e para fora, ele deve manter a penetração, empurrando levemente a parede frontal da vagina. Assim, o ponto G é estimulado. No final, vocês nem precisam mudar de posição. É só relaxar!

5. Ele por cima
Deite-se de barriga para baixo e levante um pouco o bumbum para que o gato consiga penetrá-la. Ele deve deitar por cima de você e erguer o corpo com as mãos para facilitar os movimentos. Você sentirá mais o vai e vem.

 

Via amor e sexo



publicado por olhar para o mundo às 21:00 | link do post | comentar

Quinta-feira, 15.07.10

As vantagens de não ter um homem

 

Se se sente infelizdeprimida por estar sem homem, porque se separou ou porque ainda não encontrou a sua cara metade, então anime-se e veja o lado positivo da coisa, que não é pequeno.

 

As suas amigas são todas casadas e com filhos. Parecem estar bem. Você não tem actualmente com quem passear, partilhar o dia-a-dia ou namorar.

Por todas estas razões e mais algumas você tornou-se numa mulher infeliz e deprimida. Está com medo de acabar sozinha. Medo de deixar de fazer parte de um casal, medo por não saber viver como antes, quando estava só e sem preocupações.

Então minha cara, está na hora de erguer a cabeça e saber reconhecer as vantagens que existem em estar sozinha, e olhe que não são poucas. Aproveite-as bem, já que as mulheres casadas quase nunca o podem fazer.

Sou senhora e dona do meu nariz

 

Você é que manda em si e em tudo referente à sua casa.

Manda na despensa, manda no dinheiro, manda na organização da casa, manda nos horários e manda nos contratos. Manda em tudo.

Não tem que consultar o seu marido para nada. Não tem de dar satisfações a ninguém sobre o que quer que seja. Faz o que quer e o que bem lhe apetece às horas que quiser.

Aquelas frases típicas das mulheres casadas como: "O que achas disto?", "tenho que falar primeiro com ele e depois digo-te" ou "não me chateies" vão-se todas à vida.

Há uma liberdade total para tudo. Se quiser comer cereais com leite ao jantar todos os dias, ver as suas séries ou novelas favoritas pela noite dentro, ouvir Frank Sinatra bem alto enquanto toma banho e arruma a casa pode fazê-lo. O melhor? Ninguém a pode chatear por isso. Há liberdade total para se poder esquecer de um simples penso higiénico onde quer que seja. Liberdade total para arrumar a loiça só quando lhe apetecer.

Pense assim:

 

Posso sair sem ninguém me fazer perguntas ou cenas.

Se me apetecer gastar o meu ordenado inteirinho numa mala ou num relógio e comer pão e água o resto do mês, posso fazê-lo!

Haverá alguma coisa melhor do que não ter de dar satisfações a um homem?

E o tempo livre só para nós?

 

Posso passar o dia inteiro a cuidar de mim, sem horários. Posso estar com as minhas amigas três dias seguidossem ir a casa. Posso dormir o dia todo ao domingo se me apetecer.

Uma mulher sozinha tem todo o tempo de mundo para se dedicar à carreira, à família, à leitura, à  beleza, ao piano, ao desporto, ao rapel, aos bordados, aos blogues femininos, à Internet, aos museus, às viagens, à cultura e até às novelas se quiser.

Estou livre de aturar todas aquelas coisas típicas de homem

 

Banheira com pêlos, tampa da sanita para cima, meias pelo chão, camisas para lavar e engomar diariamente, jantar na mesa a horas, futebol ao fim de semana, noticiários a toda a hora, enrolar as resmas de meias deles, os jornais desportivos espalhados, as revistas de carros na casa-de-banho por arrumar, sapatos e ténis  por todo o lado, roupa interior usada no chão da casa de banho, Fórmula 1, filmes de guerra, condução desatada, música esquisita altíssima... Jogos chatos e infantis no computador, enfim, sossego sim, isso é que é o paraíso.

 

Viver sem stress é bem melhor

 

Temos que reconhecer que uma relação a dois torna-se, não raras vezes, muito desgastante e despendiosa. Telefonemas e mensagens constantemente. Mesmo no início da relação, há aqueles batimentos cardíacos e a loucura de estarmos sempre desconcentrados do nosso quotidiano a pensarmos naquela pessoa. Parecendo que não, é altamente desgastante toda esta tensão à volta de um sentimento ou de uma pessoa.

Perguntas típicas de quem tem alguém como: "onde estás?", "já chegaste?" ou "o que estás a fazer?" acabam por nos pôr em stress constante. Ter de abdicar de coisas pessoais para fazer o outro feliz, ter a preocupação permantente perante o bem estar do outro são tudo momentos de grande tensão.

Por outro lado, o dinheiro que se poupa por não ter de fazer essas chamadas e mensagens de rotina é suficiente para se poder dar ao luxo de viajar um fim de semana por mês.

Também vale a pena estar só

 

Como vê, há imensas vantagens em não ter um namorado ou um marido.

Se for este o seu caso, aproveite muito bem tudo o que você pode fazer, pois se amanhã se apaixonar estas regalias desaparecem de uma vez só.

Se for das que está acompanhada e feliz. Parabéns, você é uma mulher cheia de sorte. Sobretudo porque está feliz.




publicado por olhar para o mundo às 08:00 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Entre 4 paredes vale tudo

Dê lhe a volta à cabeça.....

Quando a fantasia sexual ...

Homens preferem mulheres ...

Sexo, O tempero afrodisía...

Sexo, como fazer que ele ...

Troquei o meu marido por ...

Sexo: Acabe com a rotina ...

Como chegar ao orgasmo

As vantagens de não ter u...

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

todas as tags

Related Posts with Thumbnails
blogs SAPO
subscrever feeds
comentários recentes
Moro no Porto gosta de saber se há este tipo de cu...
Olá Boa tarde eu ultimamente não sinto prazer sexu...
Gente me ajudem nao sei oq fazer eu tenho meu mari...
joga na minha conta entaomano
Eu es tou dwsssssssssvzjxjshavsvvdvdvsvwhsjdjdkddd...
Quero fazer uma pergunta referente ao tema e é pro...
fala comigo
Essa papelaria em Queijas da muito jeito chamasse ...
ai mano to nessa como faz???
Gostaria de saber oque fazer quando a criança nega...