Terça-feira, 01.03.11
Sexo na ponta da língua

Carolina Diniz

 

Ela tem apenas 23 anos e um tema fácil na ponta da língua: sexo. Carolina Diniz é uma dessas apaixonadas pelo que faz que transformou o desejo de escrever em profissão.

 

Literalmente. Além de blogueira, à frente do site "Sexo na ponta da língua", ela dá cursos, workshops e palestras sobre relacionamento, conquista, traição
 

Em conversa com o Vila Dois, essa paulistana contou que criou o blog para unir o útil ao agradável, juntando a paixão pelo texto à possibilidade de discutir temas que todo mundo quer saber e muitas vezes não tem coragem de falar ou perguntar.

, sedução, auto-estima... e por aí vai.

Para escrever sobre esses assuntos quentes e delicados, ela lê, estuda, conversa. Tudo para produzir o melhor conteúdo para os leitores. E a fórmula está funcionando. Tanto que o blog vai de vento em polpa e os comentários provam que Carol está mesmo no caminho certo.

Ela dá dicas sobre relacionamentos - mas é uma dessas solteiras convictas. E, como é estudante de psicologia, o aconselhamento é parte da rotina, independente do estado civil dela. "Sou super a favor dos relacionamentos. Acho muito bom conhecer pessoas novas. Sou do tipo que sonha em um dia casar, ter filhos, morar em uma casa bem grande e ter muitos cachorros, mas não faço disso um objetivo. A hora que tiver que ser, será", afirma. Tanto acredita no relacionamento que, além do site sobre o assunto, Carol mantém outro blog, o "Eu sou pra casar", que já está no ar com o objetivo de unir pessoas solteiras.

A mesma sensatez com que (não) planeja os dias que ainda estão por vir pode ser encontrada nos posts que Carol escreve no site. Ela trata de assuntos velados, como sexo oral e masturbação, com a mesma facilidade com que cuida dos cachorros que adora. Mas como nem toda mulher é assim, ela diz que percebe um enorme tabu envolvendo (ainda) a sensualidade feminina. "Isso tem mudado nos últimos anos, a procura por cursos voltados para a sensualidade e a sexualidade tem crescido muito, mas ainda vejo muita mulher infeliz sexualmente", comenta.

Considerada uma celebridade virtual, seguida no Twitter (@carolinadiniz) e, claro, no blog, ela acha que a Internet abriu um pouco mais as portas para esse tipo de discussão, virando um canal aberto. Isso porque, anonimamente, parece que fica mais fácil perguntar e procurar informação sobre sexo.

Modesta, a menina que fala sobre assunto de gente grande acha que as pessoas gostam do que escreve porque ela faz com muito amor. "Dedico muito do meu tempo a esse tipo de coisa. O sucesso vem como uma consequência".

E essa dedicação toda pode até virar livro. Ela pensa em publicar as dicas que já escreve no blog, mas agora está se dedicando a um projeto sobre os homens e as mulheres, como um vê o outro. "Esse livro é sobre o porquê dos conflitos nos relacionamentos e as razões de sempre procurarem no outro aquilo que não encontram em si".

 

A gente fica esperando ele chegar às livrarias. Ficou com vontade de saber mais sobre o que Carol tem a dizer? É só clicar www.sexonapontadalingua.com

 

Via Vila Dois



publicado por olhar para o mundo às 21:01 | link do post | comentar

Quarta-feira, 06.10.10

Sensualidade e inteligência

 

Sensual, sim, mas sem ser vulgar. Para entender melhor a diferença, o Vila Dois conversou com a sexóloga Carmen Janssen.

 

“Sinto que muitas mulheres não sabem lidar com a sensualidade, porque ainda a confundem com vulgaridade. Elas têm muito medo do que os outros vão pensar. É importante ter segurança para saber distinguir uma coisa da outra e conseguir sentir-se à vontade consigo mesma. Por outro lado, há aquelas que por estarem copiando modelos, às vezes acabam exagerando”, comenta sexóloga.

 

Carmen diz que a falta de autoconfiança de muitas mulheres as impede de lidar melhor com a sensualidade. “Percebo que falta, às vezes, um senso crítico que as ajude a ter, pelo menos, algum controle sobre o que vêem e ouvem. Para complicar ainda mais, algumas pessoas sem nenhum embasamento científico, passam a vender produtos e ‘serviços’ que oferecem à mulher ‘receitas de sensualidade’. E sem ter conhecimento profundo no assunto, não consideram a individualidade de cada pessoa e acabam transmitindo informações que reforçam ainda mais a ditadura da beleza”, ressalta.

Em sua opinião, as mulheres que buscam os caminhos mais fáceis, ou seja, as receitas de sedução, não conseguem usar a inteligência sensual. “A sensualidade é a expressão da sua própria personalidade e sexualidade. Para lidar com ela sem conflitos, é necessário ter autoconhecimento e auto-estima”.

Professora de cursos de sedução, pompoarismo e palestrante, Carmen conhece várias histórias sobre relacionamentos. Mulheres preocupadas apenas em agradar o outro e que não sabem dizer “não” com medo de ser rejeitada. Diante disso, ela resolveu elaborar um curso sobre Inteligência Sensual, com a principal intenção de aumentar o sentimento de amor-próprio de cada mulher.

“Não é um show ou uma palestra motivacional, mas um espaço para reflexão e desenvolvimento de suas próprias qualidades. As participantes têm a oportunidade de fazer quatro testes: auto-estima, autoconhecimento (para refletirem sobre seus sentimentos, desejos e necessidades), timidez (marketing pessoal) e poder de sedução (avalia o comportamento sedutor) e recebem o resultado ali mesmo”. Conforme a sexóloga, é um feedback que reforça o que já está bom nelas e o que precisa ser modificado. “Sem reflexão, não tem desenvolvimento”.

As participantes, entre 40 mulheres, entendem melhor seus sentimentos e reais necessidades, e se interessam muito pelas dinâmicas, uma forma de desenvolver a sensualidade com mais segurança.

 

“Gostam quando abordo sobre a importância da intimidade e da comunicação sexual do casal, principalmente quando lembro que a sedução é uma arte que deve continuar a ser cultivada, mesmo depois da conquista”, finaliza.

Por Juliana Lopes

 

Via Vila dois



publicado por olhar para o mundo às 21:00 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

Sexo na ponta da língua

Sexo: Sensualidade Femeni...

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds
comentários recentes
Moro no Porto gosta de saber se há este tipo de cu...
Olá Boa tarde eu ultimamente não sinto prazer sexu...
Gente me ajudem nao sei oq fazer eu tenho meu mari...
joga na minha conta entaomano
Eu es tou dwsssssssssvzjxjshavsvvdvdvsvwhsjdjdkddd...
Quero fazer uma pergunta referente ao tema e é pro...
fala comigo
Essa papelaria em Queijas da muito jeito chamasse ...
ai mano to nessa como faz???
Gostaria de saber oque fazer quando a criança nega...