Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um olhar sobre o Mundo

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Um olhar sobre o Mundo

28
Dez10

Sexo, quarto com vista para o romance

olhar para o mundo

Sexo, quarto com vista para o romance

 

É suposto a nossa casa reflectir quem somos. Quando idealizamos a decoração do quarto é (quase) sempre algo semelhante a uma produção que vimos nas revistas, com grandes espaços imaculados com tudo impecavelmente arrumado. Claro que na azáfama diária é fácil a melhor das intenções decorativas ficar soterrada em lenços de papel, revistas velhas e brinquedos do cão. E de que adianta o decote ousado se quando o olhar pousa na mesa-de-cabeceira esbarra com o Índice Nacional Terapêutico? E as velas aromáticas, poderão alguma vez ganhar a luta desigual com os peluches que teimam em ficar a ‘decorar' a cama? Claro que às tantas o quarto de casal passa de ninho de amor a templo da tralha. Passe-o em revista e veja o que pode estar a matar o romance.

 

PC e TV ficam à porta


O quarto é daquelas divisões onde é especialmente importante criar um ambiente relaxante e com boas associações. Além de ser o lugar onde se dorme é o local de maior intimidade do casal. Que mensagem está a passar quando monta aqui uma secretária para o computador ou televisão? Que talvez seja mais interessante acabar o relatório da empresa ou ver o concurso na TV em vez de ter uma noite de sexo escaldante. Até já há estudos que revelam que os casais que têm televisão no quarto fazem amor menos de metade das vezes, em média, do que os que abdicam da caixa mágica nesta divisão.

Mesas-de-cabeceira inspiradoras

Esta peça de mobiliário pode revelar mais do que se poderia pensar. Um lenço de papel é útil e espirrar é humano, mas não custa pôr os lenços na gaveta, juntamente com a parafernália para desentupir o nariz, as pastilhas para a garganta, inaladores da asma, pentes do cabelo, creme das mãos e dos pés e ganchos. Fotografias dos pais também devem ficar fora desta divisão, assim como objectos com teor religioso, bíblias e crucifixos, que possam instigar memórias colectivas de sentimentos de culpa, ou, pior ainda, fazer com que a meio do sexo escaldante se lembre do Padre Borga de guitarra na mão a cantar. 
Prefira colocar uma flor, um bom livro (pode até ter um título sugestivo) ou mesmo uma moldura com uma foto vossa numa atitude carinhosa e cúmplice.

 

Jogos de cama sugestivos


Passemos à cama. Ainda usa aquele conjunto de lençóis com o Cebolinha e o Cascão de que não se consegue livrar por razões sentimentais? Ou o jogo de cama cheio de rendas e rendinhas que achou no baú da sua tetravó? Para além de acordar com o rosto rendilhado (nada sexy) não combinam muito bem com uma noite romântica. Esta é daquelas coisas em que vale a pena investir um bocadinho mais e ir variando. Prefira lençóis em tons neutros mas com um toque de cor, com uma mensagem divertida ou bonita. 
O tamanho também é importante: uma cama gigantesca pode parecer apelativa mas o efeito é contraproducente se acabarem cada um a dormir num extremo. Se já comprou uma cama enorme então aproveite a sua dimensão para umas acrobacias mais audazes... já sabe que não corre o risco de cair no meio do chão só porque esticou a perna. Se o seu colchão é pequeno, não desanime, há quem diga que camas um pouco mais pequenas estimulam mais intimidade.

 

Entre 4 paredes estimulantes

 

A cor das paredes também tem impacto no estado emocional. É de louvar que num assomo de arrojo tenha pintado o quarto todo de verde-lima, mas talvez seja melhor reconsiderar e optar pelos tons quentes, mais sensuais e aconchegantes.

 

Ao lusco-fusco


E a iluminação? A luz branca, estilo cozinha, desencoraja qualquer pretensão de um show strip privado, mas mesmo a amarela se for muito forte deixa de ser intimista. No quarto a iluminação deve ser indirecta e difusa. Os abat-jours e as lâmpadas coloridas ou soft tone ajudam a criar este ambiente.

 

Diga-me o que veste...

 

A roupa que escolhe para dormir também é importante, não tem de usar sempre lingerie sexy mas pelo menos evite t-shirts tipo tenda de várias décadas e com buracos. Alguns terapeutas de casais aconselham a que se dispa com privacidade sempre que vá apenas dormir, para que o acto de despir mantenha a carga erótica.

 

Na minha cama (só) com ele


Por fim, habitue o cão e o gato a dormirem noutro lugar que não a sua cama e ensine os miúdos a bater à porta antes de entrarem (ou tranque-a, se se sentir mais segura). É preciso estabelecer uma fronteira e ensinar os filhos que o pai e a mãe têm o seu espaço e precisam de tempo só para eles. E nem é assim tão difícil de fazer. Reclame o seu espaço, reconquiste o quarto e dê largas ao romance.

 

Via Activa

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D