Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Um olhar sobre o Mundo

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Um olhar sobre o Mundo

16
Jul10

Cinco maneiras improváveis de usar fita-cola

olhar para o mundo

Fira cola.. os usos mais improváveis

 

Para resolver problemas de rede no iPhone 4
A falha de recepção no iPhone 4 pode ser resolvida de forma simples. ?Pode não ser bonito, mas funciona?, escreve Mike Gikas no blogue Consumer Reports. A falha é causada pela localização, no lado inferior esquerdo, do conector da antena, que fica oculto pela mão do utilizador e pode causar a perda de ligação em zonas com menor cobertura de rede. Colando um pedaço de fita-cola na zona do conector resolve o problema de uma forma mais barata que a bolsa protectora e mais confortável que a sugerida por Steve Jobs: ?Peguem-lhe de outra maneira?.

 

Para fotografar a Terra do espaço
Enquanto a NASA gasta quase 400 milhões de euros em voos vaivém, que envolvem cerca de 1500 pessoas e coloca em risco alguns astronautas, Robert Harrison faz o mesmo com um balão meteorológico, uma máquina fotográfica digital e fita-cola. Custo por voo: cerca de 600 euros.
Harrison, um engenheiro informático de West Yorkshire, Reino Unido, sabia que ia conseguir algumas boas fotos, mas nunca imaginou poder ver ?a curvatura da Terra, a linha azul da atmosfera ou a escuridão do espaço?, disse à ABCnews.

 

Para prender propulsores espaciais
Em 2006, durante a missão do vaivém Discovery, estavam planeadas três saídas ao exterior da nave. Um dos equipamentos dos astronautas nestes ?passeios? é uma espécie de mochilapropulsora que leva o astronauta de volta se o cabo que o liga ao vaivém tiver problemas. O astronauta Piers Sellers sugeriu que se usasse uma fita-cola especial, que mantém as propriedades em temperaturas extremas, para segurar melhor a mochila ao corpo depois de quase a ter perdido num dos ?passeios?. 
Já na missão Apolo 13 o uso espacial da fita salvou vidas, quando os astronautas a utilizaram para unir tubagens de ar danificadas

 

Em primeiros socorros
Quando se pensa num estojo de primeiros socorros, um rolo de fita-cola não é dos objectos mais imediatos, mas pode ser necessário. Em casos de feridas perfurantes ao nível dos pulmões ? um ferimento de bala, por exemplo ? há perda de pressão pulmonar, o que impossibilita a respiração. De facto, a inspiração e expiração só são possíveis através de um jogo de variação de pressão. A primeira coisa a fazer se se deparar com uma ferida que faz ruídos de sucção ou ?assobia?, é tapá-la: Fita-colaserve perfeitamente.

 

Durante tempestades
É comum ver, nas zonas onde está prevista a ocorrência de um furacão, grandes X de fita-cola nas janelas. Durante uma tempestade violenta, além de quebrar as janelas, há a possibilidade dos pedaços saírem a voar com uma força comparável à das bombas de fragmentação. Colando fita-cola em X nas janelas, não se evita que os vidros partam, mas evita que estilhacem.

 

Via Ionline

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D