Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um olhar sobre o Mundo

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Um olhar sobre o Mundo

09
Mai10

A mulher mais cara do mundo

olhar para o mundo

A mulher mais cara do mundo

 

Foi amante, modelo, mãe e chegou a andar aos estalos com outra mulher por causa de Picasso. Mas a musa do quadro mais caro de sempre acabou pobre, suicidando-se quatro anos depois da morte de Picasso. Marie-Thérèse Walter é a loira que aparece deitada, sem roupa, em "Desnudo, hojas verdes y busto", de 1932, arrecadado ontem por 80 milhões de euros na Christie's, de Nova Iorque. O retrato da francesa faz parte de uma série de obras mais sensuais e foi comprado em nove minutos.

Marie-Thérèse Walter já é conhecida no mercado de arte. O seu nome é sinónimo de milhões de euros. Os retratos da amante de Picasso são sempre mais luminosos, alegres e sexuais. Em "La Rêve" o artista pintou a amante sentada, com um seio de fora. Os mais atentos encontram, no rosto da musa, um pénis que simboliza Picasso. A obra chegou aos 108 milhões de euros, mas a venda nunca se concretizou. O dono do quadro estragou-o por acidente, ao enfiar um cotovelo na tela, antes de o entregar. A obra foi recuperada, mas nunca vendida.

À pancada por amor Marie-Thérèse Walter tinha 17 anos quando viu pela primeira vez o espanhol Pablo Picasso à porta das Galerias Lafayette, em Paris. O pintor de 45 anos era casado, já tinha um filho, mas não resistiu aos encantos da loira.

Até 1935 mantiveram a relação em segredo. Marie-Thérèse morava perto da casa de Picasso e da sua primeira mulher, Olga Khokhlova, uma bailarina russa. A francesa trabalhava como modelo do pintor, quer para quadros ou esculturas e era uma espécie de sombra da família. Marie chegou até a fazer de enfermeira do filho do casal, Paulo. Olga descobriu tudo graças a um amigo que não aguentou mais mentiras. Na altura, Marie já estava grávida de Maya. Olga não hesitou e deixou o marido.

Picasso separou-se e foi viver com Marie e a primeira filha. O romance só durou um ano, até o pintor encontrar outra musa. Mais uma vez uma modelo, desta vez, Dora Maar. Marie-Thérèse começou a desconfiar e reza a história que quando a viu pela primeira vez chegou a andar aos estalos com ela. Picasso queria ficar com as duas e contou mais tarde que a cena de pancadaria era uma das suas "memórias favoritas".

Em 1940, Marie e a filha mudaram-se para Paris e continuaram a ser sustentadas por Picasso. A modelo correspondia-se com o pintor, mas a última vez que se viram foi em 1955. As razões do suicídio da modelo são um mistério. Segundo a neta, Marie era muito sentimental e emocionalmente perturbada. Os biógrafos de Picasso têm outra explicação: nunca esqueceu o artista.

 

Via Ionline

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D