Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um olhar sobre o Mundo

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Porque há muito para ver... e claro, muito para contar

Um olhar sobre o Mundo

02
Abr10

Sapos podem prever os terramotos

olhar para o mundo

os sapos podem prever terremotos

 

Os sapos são sensíveis à ameaça de terramotos cinco dias antes de estes ocorrerem, conclui um estudo feito por cientistas da Open University, em Milton Keynes (Reino Unido).

O estudo, divulgado no "Journal of Zoology", uma revista científica de referência mundial, foi noticiado na imprensa britânica e abrangeu uma população de sapos em fase de acasalamento no Lago de San Ruffino, no centro de Itália.

O comportamento dessa população foi analisado antes, durante e depois do terramoto de magnitude 6,3 na escala de Richter que abalou a cidade de Áquila a 6 de Abril de 2009, matando uma centena de pessoas e deixando mais de 50 mil desalojadas.

Fuga em massa

 

Apesar de o lago se localizar a 74 km do epicentro deste sismo, cerca de 96% dos machos da colónia de sapos abandonaram o lago cinco dias antes de ele ocorrer, tal como a maioria dos casais, e procuraram locais mais elevados, onde o risco de derrocadas e inundações é mais reduzido.

Os cientistas da Open University não conseguem explicar o fenómeno, que não se deve a outras causas como, por exemplo, uma mudança repentina do estado do tempo. Mas confirmam que a alteração de comportamento dos sapos coincidiu com movimentações na ionosfera, a camada electromagnética superior da atmosfera terrestre.

E alguns investigadores admitem que estas movimentações podem estar ligadas à libertação do solo de radão, um gás radioactivo (comum nas regiões graníticas do Norte de Portugal), ou a ondas gravitacionais entre as várias camadas da atmosfera, tudo isto pouco antes de ocorrer um sismo.

Libertação de radão e de partículas carregadas são um aviso?

 

Rachel Grant, bióloga da Open University, explicou ao diário britânico "The Guardian" que "os sapos e os anfíbios em geral são muito sensíveis a alterações na química do ambiente", e admite que a libertação de gases e partículas subatómicas com carga eléctrica "pode ter sido detectada pelos sapos". Embora não se saiba ainda como.

Em 2003, um cientista japonês divulgou um estudo que concluía que o número de cães que ladrava muito aumentava cerca de 18% em média nos meses que precediam um terramoto.

No dia 17 de Março, a Universidade de Lisboa organizou uma conferência no Museu Nacional de História Natural sobre o tema "Afinal os sismos podem ou não prever-se?", que contou com a intervenção de alguns dos mais destacados especialistas portugueses nesta área.

Na altura estava ainda bem presente na memória das centenas de pessoas que encheram o anfiteatro do museu os sismos devastadores do Chile e do Haiti, mas os cientistas foram claros: podem determinar-se as zonas de risco e conhecem-se sinais precursores, desde alterações dos níveis dos poços até à libertação de radão.

Mas não é possível prever a magnitude, a localização e a data de um sismo, com os instrumentos, as tecnologias e o nível de conhecimento que temos hoje.

 

Via Expresso

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D