Sábado, 20 de Março de 2010

Sexo anal, prazer sem dor

 

O tabu que envolve o sexo anal é antigo. Mesmo com toda liberação feminina, com a revolução sexual dos tempos modernos, com a "superficialização" das relações, ainda implica dúvidas, medos e receios, principalmente para as mulheres.

Para resolver o que ainda pode ser obscuro, fomos atrás de três experts quando o assunto é sexo: a sexóloga Carla Cecarello, coordenadora do Ambulatório de Sexualidade da Associação Brasileira de Sexualidade - Ambsex, a terapeuta sexual Sylvia Faria Marzano, do Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática - Isexp, e a professora Lilian Moretto, que dá aulas sobre sensualidade.

Numa entrevista sem vergonha ou pudor, as três responderam às dúvidas mais comuns quando o assunto é sexo anal. Confira as explicações e opiniões das especialistas:

O sexo anal sempre dói? Como fazer para doer menos?
Carla: Na maioria das vezes dói, pois os casais não fazem o sexo anal de forma adequada. Para não doer, ou doer menos (para algumas pessoas) é necessário seguir alguns passos:
- usar lubrificante, pois o ânus não tem lubrificação própria.
- iniciar a prática do sexo anal com o dedo e, posteriormente, com o pênis.
- sempre usar preservativo, pois a mucosa anal absorve facilmente qualquer tipo de vírus e bactérias.
- no momento da penetração, encostar no ânus, que sofrerá uma contração, esperar ele relaxar e, aí sim, efetuar a penetração bem devagar.
- estimular o clitóris ao mesmo tempo que estiver fazendo a penetração.

Silvia: Não, se tiver dor no sexo anal, é porque a parceria não foi bem preparada, isto é, tanto nos homens quanto nas mulheres, é necessário que haja muito erotismo, além de uma estimulação dos genitais, para que esta fique excitada e se permita receber o pênis no canal anal.

Lilian: O ânus é uma região muito inervada. Quando existe a possibilidade de uma penetração, seja com o dedo ou pênis, ocorre uma contração muscular, como se fosse uma defesa para a não penetração. É essencial que haja cumplicidade entre o casal, confiança e muita carícia para que aconteça um relaxamento maior desses músculos, de forma que não provoque desconforto nem dor, facilitando assim a penetração.

Qual a posição mais confortável, que facilita a penetração?
Silvia: Existem várias posições, mas depende de como a parceria se sente melhor. Por exemplo, a pessoa que vai ser penetrada ficar de quatro, pois permite que se masturbe durante a dilatação anal e penetração, para não perder a excitação. Não é a penetração anal só que dá prazer, pois o reto não tem essa capacidade. O que faz a pessoa sentir prazer com o sexo anal é estar excitada após manipulação genital ou do corpo, e muito erotismo.

Lilian: A melhor posição sexual para a prática do sexo anal é aquela onde os parceiros fiquem relaxados e confiantes, na qual a mulher tenha total controle na penetração. Vale a tentativa de experimentar várias posições até descobrir a mais adequada. Uma sugestão: um dos parceiros deverá postar-se de costas em pé apoiando-se com o corpo ligeiramente inclinado, onde conseguirá manter contato com o pênis do parceiro guiando seus movimentos.

É possível engravidar?
Carla: Não, pois não há comunicação direta do ânus com o útero. Engravidar só é possível através da penetração vaginal.

Silvia: Jamais. A gravidez só ocorre se o espermatozóide for depositado na vagina e conseguir passar pelo útero até as trompas da mulher, onde se encontra o óvulo no período fértil da mulher. Mas, a penetração não deve, de maneira nenhuma, ser feita sem o uso de preservativo, mesmo que seja em parceria fixa. As fezes têm bactérias que contaminam a uretra e o pênis, podendo passar para a próstata, que vai dar uma doença infecciosa de difícil tratamento.

Sexo anal é falta de higiene?
Carla: Uma coisa não tem nada a ver com a outra. A prática do sexo anal é a mesma coisa que praticar sexo oral ou vaginal.

Silvia: Não se forem respeitadas as orientações do uso de preservativo e sempre, mesmo após o uso deste, lavar o pênis antes de penetrar na vagina.

Lilian: Não considero falta de higiene, desde que sejam tomados alguns cuidados. É necessário manter higiene com água e sabonete na região do ânus, e principalmente o uso do preservativo. E quanto à higienização interna é opcional, mas não recomendada pelos médicos.

Qual a importância dos lubrificantes?
Carla: O ânus não tem lubrificação própria como a vagina, que se lubrifica quando a mulher está excitada. O ânus foi feito ‘para sair’ e não ‘para entrar’, portanto, precisa de ajuda para entrar qualquer coisa. Porém, os lubrificantes precisam ser a base de água para não corroer a mucosa anal, como acontece com a vaselina, e também não pode ser a saliva, pois desta forma se leva bactérias da saliva para o ânus. Xilocaína, como muitos usam, nem pensar, pois é anestésico.

Lilian: É importante o uso de lubrificante à base de água, pois no ânus não existe lubrificação similar a da vagina, desta forma evita o rompimento do preservativo causado pelo atrito, além de facilitar a penetração e evitar ferimentos.

Sexo anal pode fazer mal a saúde? Pode provocar hemorróidas?
Carla: O sexo anal só fará mal a saúde se a pessoa tiver intestino preso, hemorróidas ou qualquer tipo de fissuras na região. E é claro, pode-se contrair doenças sexualmente transmissíveis, caso não se use preservativo. Não deve ser praticado todo dia, pois os esfíncteres podem ficar frouxos e aí, não se consegue mais segurar as fezes. No máximo duas vezes na semana e tomando os cuidados citados acima. Nada de relações intempestivas.

Silvia: O sexo anal bem orientado não faz mal à saúde, mas pode piorar as doenças tipo hemorróidas, que são varizes de veias do ânus. Se isto estiver ocorrendo, com sangramentos ou dor, procure um tratamento antes da prática do sexo anal.

Lilian: O sexo anal não é prejudicial à saúde, desde que os parceiros aceitem essa variação sexual, que saibam explorar os corpos com muito cuidado e carinho, lembrando que o maior prejuízo possível nessa prática são as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), portanto a importância do uso do preservativo. Sexo anal não provoca hemorróidas.

Qual a dica para relaxar e fazer, sem medo?
Carla: O casal precisa querer fazer sexo anal. Não adianta um querer e o outro não. Partindo deste princípio e seguindo os passos citados acima, pode-se praticar sexo anal, sem problemas.

Silvia: Um primeiro lugar ter certeza que já tem intimidade suficiente com a parceria e quer fazer. Não faça nada forçado. Aprenda como fazer: muitas preliminares, erotismo, excitação, dilatação delicada do ânus com lubrificante, para depois penetrar o pênis lentamente. Não ficar penetrando por muito tempo e com muita força. Lembre de repor o lubrificante, pois este seca e pode machucar a parceria. Peça para parar se não estiver prazeroso. Deixe para outra ocasião se não estiver segura.

Lilian: Primeiramente uma boa conversa entre o casal, desejar de fato praticar o sexo anal e não apenas para agradar o parceiro. Procurar usar de muita carícia, explorar a região anal com a língua, com os dedos, e só depois de muita excitação a penetração deverá ocorrer. Não dispensar o uso do preservativo e jamais penetrar a vagina após a penetração anal, para que não haja nenhum risco de infecção. Lembrando que o sexo anal é uma forma a mais de prazer para o casal.

Via 180 Graus

 



publicado por olhar para o mundo às 21:53 | link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
posts recentes

DEOLINDA - Novo disco ac...

Orq. Gulbenkian & Orq. Ge...

UHF no Cineteatro Munici...

Bar ACERT - Café-Concerto...

Tsunamiz - I Don't Buy It

Biruta - DATAS em JULHO -...

Itinerário do Sal - ópera...

Junho traz concerto de Pe...

Sarah Nery edita EP homón...

Candeio apresentam novo s...

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds
comentários recentes
Moro no Porto gosta de saber se há este tipo de cu...
Olá Boa tarde eu ultimamente não sinto prazer sexu...
Gente me ajudem nao sei oq fazer eu tenho meu mari...
joga na minha conta entaomano
Eu es tou dwsssssssssvzjxjshavsvvdvdvsvwhsjdjdkddd...
Quero fazer uma pergunta referente ao tema e é pro...
fala comigo
Essa papelaria em Queijas da muito jeito chamasse ...
ai mano to nessa como faz???
Gostaria de saber oque fazer quando a criança nega...
Posts mais comentados