Domingo, 27 de Setembro de 2009

Terapia

 

 Com tanta terapia e tanto saber e tanto programa de TV à meia-noite com doutoras a falar de sexo, era suposto estar a chegar o momento em que as motivações e contradições da sexualidade feminina e masculina só se separariam por um único factor: o homem é incapaz de fingir um orgasmo. Posto isto chateia e cria mesmo um certo incómodo saber que temos sido levados de má-fé ao sermos agora informados por um estudo científico publicado a semana passada que afinal as mulheres, entre as dezenas motivações para terem sexo, o fazem apenas por estarem 'aborrecidas' ou para fazer com que 'ele vá pôr o lixo lá fora' e mesmo - esta é aviltante! - 'curar uma dor de cabeça'. Ora qualquer um de nós foi educado precisamente segundo a aceitação piedosa de que as mulheres usavam a desculpa da enxaqueca para evitar o sexo. Agora já somos o placebo?

A investigação de Cindy Meston e David Buss vem revelar este lado negro, mundano pouco romântico e comezinho das motivações que levam uma mulher a decidir ter sexo e que vão desde questões tácticas para evitar a infidelidade do parceiro, ou aumento de autoconfiança ou à expectativa de presentes. Peço às feministas que se acalmem e comprem o livro. Estamos a falar de 237 razões, sendo que nas primeiras 25, cerca de 20 coincidem - com uma ordem diferente - com as do homens, destacando-se, no primeiro lugar a atracção física, seguida do desejo de ter prazer. Mas se a maioria são razões 'egoístas', o sexo para procriação aparece num modesto 55º lugar. Uma característica mais feminina - e rapazes, vamo-nos fingir espantados - é a associação do sexo à ideia de vingança. Há mesmo quem diga no estudo querer ter relações para transmitir doenças a uma pessoa o que, esperemos seja um caso excepcional ou teremos que refazer a história das epidemias na humanidade.

Mas uma das razões que algumas mulheres apresentaram e que surpreendeu os responsáveis pela investigação foi terem dito que faziam sexo para estarem mais próximas de Deus.

Ora, acredite-se, a igreja católica polaca está precisamente deliciada a divulgar este aspecto divino do sexo. Caramba: após dois mil anos de má publicidade, de autoflagelações e mortificações chega um pouco tarde a esta 'alegria" da fornicação. Um franciscano polaco lançou o "Kama Sutra Católico" que ensina muito mais que a posição do missionário e garante que "todo o acto - tipo de carícia e posição sexual - com o objectivo de excitação agrada a Deus (...) eles podem, mesmo usar estimulação manual e oral".

O franciscano polaco Ksawery Knotz - cuja experiência no sector advém de ouvir falar mas que alega "que um cardiologista também nunca teve um ataque cardíaco" - é tudo menos um frade lascivo e podemos mesmo dizer que está a actuar de modo muito eficaz e nos interesses do Concílio do Vaticano II e não é por acaso que o livro vai ser publicado em diversos países.

É que os seus conselhos marotos, com tiques tantra e orgasmos divinos após o homem ter estimulado a mulher no centro de prazer, só se aplicam a casados e visam reforçar os dogmas papais dado que excluem sexo extraconjugal,gay ou qualquer tipo de contracepção entre as brincadeiras do casal. O sexo, diz, é uma forma de se aproximar de Deus. Desde que tenha havido cerimónia na igreja e aliança no dedo, nunca se use um anticoncepcional e seja o que Deus quiser: menino ou menina.

Enfim dirão uns que este "Kama Sutra para Católicos" é apenas a bênção ao cunnilingus matrimonial. Mas repare-se que pode ser também a análise ponderada do supracitado estudo Meston e Buss: estando a mulher aborrecida, dá-se-lhe um livrinho para alcançar orgasmos divinos à espera que haja um descuido e surja um filho para o rebanho do Senhor com o ganho de ter mandado o homem pôr o lixo lá fora.

 

Via Expresso

 


 

Kama Sutra para Católicos O sítio do frade Knotz tem uma zona em inglês. Os conselhos são idênticos a qualquer guia sexual soft com a diferença de terem sido escritos por um alguém que nunca praticou e o apoio da igreja católica polaca. Clique para aceder ao sítio do frade Knotz

 

Estudo "Why Women Have Sex: Understanding Sexual Motivation - From Adventure to Revenge (And Everything in Between)" by Cindy M. Meston, David M. Buss, Henry Holt & Company Publisher, 29 Set. 2009



publicado por olhar para o mundo às 23:47 | link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
posts recentes

DEOLINDA - Novo disco ac...

Orq. Gulbenkian & Orq. Ge...

UHF no Cineteatro Munici...

Bar ACERT - Café-Concerto...

Tsunamiz - I Don't Buy It

Biruta - DATAS em JULHO -...

Itinerário do Sal - ópera...

Junho traz concerto de Pe...

Sarah Nery edita EP homón...

Candeio apresentam novo s...

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

todas as tags

Related Posts with Thumbnails
blogs SAPO
subscrever feeds
comentários recentes
Moro no Porto gosta de saber se há este tipo de cu...
Olá Boa tarde eu ultimamente não sinto prazer sexu...
Gente me ajudem nao sei oq fazer eu tenho meu mari...
joga na minha conta entaomano
Eu es tou dwsssssssssvzjxjshavsvvdvdvsvwhsjdjdkddd...
Quero fazer uma pergunta referente ao tema e é pro...
fala comigo
Essa papelaria em Queijas da muito jeito chamasse ...
ai mano to nessa como faz???
Gostaria de saber oque fazer quando a criança nega...
Posts mais comentados