Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009

Quando dei conta já estava: Tinha tirado a roupa toda (incluindo os saltos altos). O que não estava no meu plano era acabar a cumprimentar inesperados colegas de trabalho completamente nua...

Tudo aconteceu enquanto fazia a cobertura do III Encontro Ibérico de Naturismo . Sempre achei que um bom jornalista deve experimentar tudo (desde que não seja nocivo, obviamente) e tirar a roupa já fazia parte dos meus planos. Fi-lo ao fim de pouco tempo e, surpresa das surpresas, não me senti nada desconfortável... Se bem que fazer entrevistas com dois "faróis" completamente brancos a apontar para os meus entrevistados não deixa de ser uma imagem que ainda me dá vontade de rir.

Enquanto saltava descontraidamente na piscina, em alegre confraternização no mundo naturista, alguém me diz: "Estão ali os seus colegas da SIC". Com o meu melhor sorriso amarelo, pensei literalmente "Tou f...".

Dizem as regras da boa educação que se devem cumprimentar os colegas e eu confesso que também não queria dar parte fraca. "És uma mulher ou és um rato?" Ouvia eu na minha cabeça. Naquele momento, olhando para o meu corpo despido, só me ocorria uma resposta um bocado brejeira a esta pergunta e que me recuso a escrever aqui.... Mas com o rabo e peito mais brancos de todo o parque, lá fui. Não houve beijinhos e a conversa foi rápida... Acho que eles - vestidos - se sentiram mais constrangidos que eu. Afinal, a vantagem era minha: estava em plena investigação!

Via A vida de saltos Saltos altos



publicado por olhar para o mundo às 21:33 | link do post | comentar



Letra

 

muda de vida

humanos

Composição: António Variações

Muda de vida se tu não viveres satisfeito
Muda de vida, estás sempre a tempo de mudar
Muda de vida, não deves viver contrafeito
Muda de vida se há vida em ti a latejar

Ver-te sorrir eu nunca te vi
E a cantar, eu nunca te ouvi
Será de ti ou pensas que tens... que ser assim

Muda de vida se tu não viveres satisfeito
Muda de vida, estás sempre a tempo de mudar
Muda de vida, não deves viver contrafeito
Muda de vida se há vida em ti a latejar

Ver-te sorrir eu nunca te vi
E a cantar, eu nunca te ouvi
Será de ti ou pensas que tens... que ser assim

Olha que a vida não, não é nem deve ser
Como um castigo que tu terás que viver

Olha que a vida não, não é nem deve ser
Como um castigo que tu terás que viver

Muda de vida se tu não viveres satisfeito
Muda de vida, estás sempre a tempo de mudar
Muda de vida, não deves viver contrafeito
Muda de vida se há vida em ti a latejar

Muda de vida se tu não viveres satisfeito
Muda de vida, estás sempre a tempo de mudar
Muda de vida, não deves viver contrafeito
Muda de vida se há vida em ti a latejar




publicado por olhar para o mundo às 12:23 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Marte nunca se verá com o tamanho da Lua

 

 

Em Agosto de 2003, começou a circular um e-mail dizendo que Marte estaria tão perto da Terra que o seu tamanho, visto do nosso planeta, seria igual ao da Lua. Carlos Oliveira, professor de astrobiologia da Universidade de Austin, chama-lhe “a história fantasiosa das duas luas no céu em Agosto”.


A data de 27 de Agosto tem sido referenciada, desde 2003, como o dia em que Marte e Lua parecem ter o mesmo tamanho. Carlos Oliveira, da Universidade de Austin, é pragmático na explicação deste mito. “Alguém em perfeita consciência poderá pensar que no dia 26 Marte estaria pequeno, tal como no dia 28, e subitamente no dia 27 é que se aproximaria rapidamente da Terra tornando-se o tal “monstro” no céu?”. “Não há revoluções no Universo – tudo acontece de forma gradual”, afirma, num artigo publicado no blogue astroPT.

Por outro lado, refere o investigador, “se Marte viesse para tão perto da Terra de modo a ficar tão grande no nosso céu (quanto mais perto, maior o tamanho aparente dos objectos), as forças gravitacionais envolvidas levariam a que a vida humana na Terra se tornasse no mínimo bastante difícil.”

A explicação para o surgimento deste mito relaciona-se directamente com as órbitas dos dois planetas. “Devido às órbitas de Marte e da Terra à volta do Sol, a cada 2 anos e 2 meses (em média é a cada 780 dias), Marte encontra-se novamente mais próximo da Terra – não tão próximo como em 2003, mas no “mesmo lado da órbita” e consequentemente relativamente próximo da Terra”, afirma Carlos Oliveira. 

Por isso, alerta o investigador, têm surgido nesta altura do ano, desde 2003, e-mails que divulgam a informação falsa de que Marte estará do tamanho da Lua. O que “é impossível

 

Via Público

 

Pois é, mais um daqueles mails!



publicado por olhar para o mundo às 08:00 | link do post | comentar

Domingo, 30 de Agosto de 2009



Letra

 

Todas as manhãs o sol espelha
Bate nas lentes escuras
O sangue jorra de esquelha
Na pala das ditaduras

Continente grita de dor
Rebenta pelas costuras
A morte,o medo e o terror
São dias feitos agruras

Do Paraguai a Porto Rico
Salvador ás Honduras
Da Bolívia à Guatemala
Argentina ao Chile

[refrão]
Latina ' América
Latina ' América
Latina ' América
Latina ' América

Descem das montanhas
Para pôr fim a essa sina
Que te rebenta as entranhas
Capacete em cada esquina

Todas as manhãs o sol espelha
Bate nas lentes escuras
O sangue jorra de esguelha
Na pala das ditaduras

Do Paraguai a Porto Rico
Salvador às Honduras
Da Bolivia à Guatemala
Argentina ao Chile



publicado por olhar para o mundo às 12:19 | link do post | comentar

Uniões sexuais fortuitas... humor

 

A maioria do Partido Socialista aprovou ontem, com os votos do PCP e do Bloco de Esquerda, a lei que regula a situação jurídica das pessoas em "união sexual fortuita, independentemente do sexo". Foi um debate agitado na Assembleia; esquerda e direita acabaram divididas; PSD e CDS votaram contra. Os social-democratas acusaram os socialistas de querer "regulamentar a liberdade de convivência sexual, inscrita na Constituição". Já os socialistas censuram o "conservadorismo desta direita atávica", cega a "realidades sociais em emergência como a união sexual fortuita".
O facto mais surpreendente foi todavia a abstenção de cinco deputados do PS, liderados por Vitalino José Seguro, que apresentaram uma declaração de voto contra "a descaracterização e bloquização do código genético do PS". Nas galerias na Assembleia, alguns casais em "união sexual fortuita" pelo menos desde a véspera também assistiram ao debate. Saíram satisfeitos. "Já não somos párias sociais. Temos mais regras e deveres, mas mais liberdade."

 

Sónia Catarina Mendes disse ao i que "há cada vez mais pessoas a escolher a união sexual fortuita como forma de vida: achamos que o poder político não pode ignorar o que se passa na sociedade". Sobre as medidas da lei, a deputada referiu: "Queremos pôr cobro ao actual vazio legal, atribuindo direitos a estas pessoas, sobretudo às mulheres, muitas vezes vítimas de ludíbrios e falsas promessas." Sandra Drago, deputada do Bloco de Esquerda, concorda. "As uniões sexuais fortuitas têm aumentado no nosso país, devido à abertura nos costumes, mas há problemas que o legislador tem de acautelar - gente que não telefona no dia seguinte, que não partilha despesas com hotéis, etc."
A lei que irá ser agora enviada para a promulgação de Cavaco Silva estabelece medidas para dar mais "justiça" e "transparência" às "uniões sexuais fortuitas". A partir de agora, antes de começarem uma "união sexual fortuita" as pessoas serão obrigadas a fazer uma declaração de intenções, por escrito. As questões patrimoniais também são tidas em consideração. Se uma das partes da "união sexual fortuita" não contactar a outra nos dois dias seguintes ao início da "união", objectos ou haveres esquecidos na residência de uma delas passarão automaticamente para a propriedade da vítima.
Recordemos que a lei sobre as "uniões sexuais fortuitas" vem na sequência de outras leis "de costumes" aprovadas pelo PS neste fim de legislatura: educação sexual no pré-escolar, lei da coabitação temporária e o novo regime das escapadelas ao almoço. Leis que o PS optou por agrupar neste Verão antes eleições de 27 de Setembro.

 

Via ionline

 

Não fosse estarmos no mês de Agosto e os deputados estarem todos a banhos e bem longe da assembleia e acrediatavamos que o texto era real.



publicado por olhar para o mundo às 11:30 | link do post | comentar

Sábado, 29 de Agosto de 2009

Entre as linhas paralelas deve escrever-se "entregue na loja xxxx" ou "entregue no serviço público yyyy", dependendo da situação

 

 

 

Por uma vez, um aviso a circular na Internet não é produto de uma mente criativa com demasiado tempo livre. Segundo uma fonte oficial da PSP, apesar de não existir um "alerta policial", cruzar uma fotocópia de um Bilhete de Identidade é "uma medida de prevenção que pode ser utilizada pelo comum cidadão". E é absolutamente legal.

Há cópias de BI utlizadas para abrir contas num banco, contrair empréstimos ou adquirir cartões de crédito. O prejuízo é sempre do dono do BI.

 

Via Expresso



publicado por olhar para o mundo às 13:17 | link do post | comentar



Letra

 

Refrão
pararara parararara pararara parararara pararara pararara


Quando eu era pequenino 
Quando eu era pequenino
Acabado de nacer 
Acabado de nascer
Ainda mal abria os olhos 
Ainda mal abria os olhos
Já eram para te ver
Já eram para te ver

Refrão
pararara parararara pararara parararara pararara pararara (bis)

Quando eu já for velhinho 
Quando eu já for velhinho 
Acabado de morrer 
Acabado de morrer 
Olha bem para os meus olhos 
Olha bem para os meus olhos
Sem vida hão de te ver
Sem vida hão de te ver 

Refrão
pararara parararara pararara parararara pararara pararara (bis)

Tuturututurotro Tuturoro pam pam pam pam pam pam 
Quando eu era pequenino
Quando eu era pequenino 
Acabado de nascer 
Acabado de nascer 
Ainda mal abria os olhos
Ainda mal abria os olhos 
Já eram para te ver 
Já eram para te ver

Refrão
Refrão
pararara parararara pararara parararara pararara pararara (bis 3x)



publicado por olhar para o mundo às 12:13 | link do post | comentar

Sexta-feira, 28 de Agosto de 2009

 

Mitos e verdades sobre o orgasmo

Camila Moreira

 

 

Quando o assunto é orgasmo, mitos e verdades compõem o cenário. Para ajudar a desvendar o que é verdade e o que não é sobre o assunto, a médica Urologista e Terapeuta Sexual, Sylvia Faria Marzano, dá algumas explicações importantes que podem servir para melhorar a sua vida sexual. Confira:

 

Quem estimula é o responsável pelo orgasmo: Falso! Cada pessoa é responsável pelo seu próprio orgasmo. Precisa saber o que mais a excita e quais os pontos de seu corpo são responsáveis pela excitação e assim passar essa informação ao outro. Por isso é preciso buscar a parceria na relação sexual para a troca desta energia.

 

O orgasmo é sempre muito intenso: Falso! Muitas pessoas acham que ter orgasmo é ver estrelas, entrar numa outra dimensão cósmica, uma expressão violenta de sensações, euforia e desfalecimento. As sensações do orgasmo são variáveis de pessoa para pessoa. O orgasmo é o resultado de uma excitação crescente, tendo como resultado o clímax, onde está inserido entrega, sentimento e sensações. As sensações do orgasmo sofrem influência de fatores como emoções, sentimentos, orgasmos anteriores registrados na memória, ambiente, tempo e parceria sexual.

 

O tempo para o orgasmo masculino e feminino são iguais: Falso! De maneira geral, a excitação crescente até o orgasmo na mulher é mais lenta. A mulher, na sua resposta sexual tem mudanças anatômicas na sua genitália para que possa ser penetrada sem dor. Desta forma, os tempos de orgasmo são diferentes. Muitas vezes em um encontro casual, a mulher pode ter um orgasmo dentro de poucos minutos, pelo fator fantasia do momento.

 

O orgasmo masculino é a ejaculação: Falso! O orgasmo e a ejaculação são respostas fisiológicas diferentes no homem. O orgasmo é uma resposta sensorial, enquanto que a ejaculação é a eliminação do esperma. No homem, geralmente eles acontecem simultaneamente.

 

Preliminares mais longas, orgasmos mais intensos: Falso! As preliminares são importantes para que a mulher chegue ao orgasmo, porém a intensidade do orgasmo depende exclusivamente da excitação, da entrega total ao momento erótico e de suas emoções.

 

Ponto G masculino e feminino: este conceito é muito questionado. Não há comprovação científica que ateste a existência do Ponto G masculino ou feminino, mas sim regiões que ao serem estimuladas favorecem o orgasmo. É importante saber que existem zonas erógenas, tanto na região genital como em todo corpo que proporcionam excitação, variadas de pessoa para pessoa. Para os homens as carícias na região perineal e anal podem estimular a próstata e favorecer a ereção. Para as mulheres o canal vaginal possui uma plataforma orgástica, região mais sensível ao toque logo nos primeiros centímetros, que participa efetivamente na elevação da excitação.

 

Todo ser humano é equipado biologicamente para ter um orgasmo: Verdadeiro! Salvo doenças que comprometem a resposta sexual, o nosso corpo está apto para o sexo e consequentemente para o orgasmo. O orgasmo depende mais de fatores emocionais, que promovem as mudanças físicas durante o prazer maior. Na dificuldade ou ausência do orgasmo, é necessário a busca de tratamento por um especialista, terapeuta sexual, para investigar as possíveis causas, físicas ou psicológicas.

Há mulheres que ejaculam: a ciência ainda não comprovou nada a respeito. O que acontece em alguns casos é que há algumas mulheres que se lubrificam mais do que as outras, pela atuação de glândulas no canal vaginal. Mas estas glândulas não são como a próstata e o canal seminal masculino que podem armazenar um liquido para depois jorrá-lo em determinado momento. Na mulher, estas glândulas assim que produzem o liquido para lubrificação, o solta, e isso é feito durante toda a relação.

 

Via ConceitoSA

 



publicado por olhar para o mundo às 21:47 | link do post | comentar

 

 

A Torre de Belém no google street view

 

Um casal português foi fotografado pelo serviço «Street View» da Google Maps e não gostou. Agora prepara-se para apresentar uma queixa-crime contra a empresa e pede uma indemnização civil que deverá rondar os 200 mil euros. Esta é o primeira acção conhecida em Portugal contra a Google. A empresa, contactada pelo tvi24.pt, sublinha que qualquer imagem «inapropriada» pode ser retirada.

«A queixa-crime por fotografia ilícita e devassa da vida privada deverá dar entrada no DIAP (Departamento de Acção e Investigação Penal) no início da próxima semana, juntamente com o pedido de indemnização civil que deverá rondar os 200 mil euros, 100 mil para cada um», adiantou ao tvi24.pt José Manuel Castro, advogado do casal.

As fotografias foram tiradas há cerca de um mês, mas o casal lesado só deu conta da sua publicação na Internet na passada semana. «Ficaram bastante incomodados, uma vez que estão agarrados e a imagem é bem visível», explicou o causídico.

As imagens foram recolhidas na rua António Lopes Ribeiro e é possível verificar que a mulher está precisamente a apontar para o carro que tira a imagem e que tem apenas um desfoque ligeiro. Já o homem que a acompanha tem o rosto totalmente desfocado. «O meu desagrado é total. Vai contra os meus princípios ser exposta desta maneira», explicou ao tvi24.pta ofendida que solicitou o anonimato, uma vez que não pretende aumentar a exposição pública a que já foi sujeita.

Questionada sobre o desfoque que existe na imagem, a lesada argumenta: «Com certeza que conseguimos ser identificados. Eu vi logo e os meus familiares identificaram-me logo. Sinto-me lesada em todos os campos», declarou.

Contactada pelo tvi24.pt, a Google assegura que «cumpre inteiramente a legislação» e declara: «Em todos os novos produtos e serviços da Google passamos muito tempo a desenvolvê-los e a testá-los de forma a torná-los os mais úteis possíveis para os consumidores.

A Google lançou o Street View em diversos países e disponibiliza ferramentas de fácil utilização que permitem de uma forma rápida e eficaz remover qualquer imagem considerada inapropriada. Seria impraticável avisar individualmente as pessoas, uma vez que o dia, a hora e o local onde passa o carro da Google está dependente de inúmeros factores como o tempo, tráfego, entre outros».

 

Via Ionline



publicado por olhar para o mundo às 19:52 | link do post | comentar





Letra

 

Acabou-se a sorte
Começou o meu azar
Não cumpri a minha parte
Agora tenho que ir trabalhar
Acabou-se a boa vida
É preciso lutar
Já não tenho mais oportunidades
Vou recomeçar
Vou começar uma vida nova
Ainda há tempo para mudar
Qualquer dia estou com os pés para a cova
E não quero acreditar
NSolão sei se meDoreço
Esta Solvida de Docão
Tudo o que Solvejo tem um Dopreço
E eu não Retenho um tostão
Será que mereço
Nunca fiz mal a ninguém
Estou perdido não tenho nada
Vou chamar a minha mãe
Sei que a vida não dura sempre
tempo passa devagar
Tenho tempo para rir
Tenho tempo para chorar
Voltas e voltas
E que grande confusão
Um homem anda aqui à toa
Nem sinto os pés no chão
Não sei se mereço
Esta vida de cão
Tudo o que vejo tem um preço
E eu não tenho um tostão
Será que mereço
Nunca fiz mal a ninguém
Estou perdido não tenho nada
Vou chamar a minha mãe



publicado por olhar para o mundo às 12:09 | link do post | comentar

Quinta-feira, 27 de Agosto de 2009

Quando Troia ainda era do Povo

Imagem Retirada do Picasa

 

 "(...)

 

Aqueles vases da merrda gamárrem a Trrróia àgente, pá soçe!

 

Ê quérr masé sabêrr aonde é que a maltinha vá masé agórra pá prráia.

 

Agórra um gaje quérr irr ali à cáldêrra da trróia amandarr um merrglhinhe ou irr cmer uns plins frrites pá bola de nívea ó dminge á tárrde e se na fôrr a rémes do bote ó fazerr uma vaquinha pa pagarr a gasosa ó patrrão do gazeline, tá fedid.

 

Ê sou do temp ca prraia erra de todes, que todàgente pdia irr à vtade, levava o chapéu e a bucha, o ancinhe pàpanhar conquilha da marré báxa e ficava ali um bcade ó o diintêrre. A maltinha ficava ali toda ó pé do ferri a mamárr do gásoil dos bárrques ma pdia ssandarr más uma pinguinha e já nassóvia o rád dos prrêtes da Belavista. E ó depôs vinha do férribót, a cmêrr um rájá e a verr as boas.

 

Agórra parrece que já né assim. O nnhêrre comprra tude, até a prraia. E agórra tá escasse pa irr pá Trróia, já nem vendem rajás e o férribót agórra é um repolhe.

 

Cós gajes da sónai métem o Sócrras a arrebentar cós bajules ê até axe béin ãh, caquile tinha ali muita fíe de cobrre e ferre málaprreveitád. Ma tavasse même a verr queles querriem erra tirrarrem a Trróia agente e ficárr sópaeles e pós riques comeles. Diziem que não masaquela gente parrece que cuantas má riscas têm das grravatas má petas amandam. Até amandarrem os ferribótes lá pó pé da Carrasquêrra na fosse um gaje terr tide uma fezada à apanhárr potas e conseguirr pagarr aquela

chulice.

 

E o piórr é que ningain faj nada e é tude á vtád. À vtad, né à vtadinha, pá soçes! Ainda más páquil serr só pa meia-duzia da riquinhes da merrda e a maltinha de Stúbal a xeparr do carralhe. Garrganeirres dum cabrrão. Atão lá perr terrem guite, eles terrem má dirreit cum gajinhe que naxeu numágua ferrtada ali do mirradourre? Éq daquil ali é mai done a maltinha de Stúbal cuns carralhes cuaisqueres que nunca esfolarrem uma patarroxa. Venhame a Maridasdorres dzerr cu queles tarrem a fazerr da Trróia qué bom pa Stubal e pós Stubalenses e afinquelhe masé cum pexêrre pus entrrafolhes do cú acima pa verr se tem chôc. Vâiem uns vases da merrda engravatades para ficarrem ca Trróia perr tutemeia e a cambrra ábrre u cuzinhe tode à fatica.

 

E a maltinha vá páonde? O pove que vaia quemerr cagalhões pá Albarquel e ólharr pá Trróia chei da sódad. Até eles sa lembrrarrem qe tamém querrem ficarr cárrábida, cálbarquel ou ca prraia do Cagalhão da Ti Marri Esguelha e aí agente na tem má reméd quir pá cachefarra a mamarr co bafe da sócel, ca jorra dos reboques e cus putos da Belavista à calházada cagente, de lá de cima do monte.

 

Esta merrda dêxame cuma ganda mágoa do pêt perrqu a Trróia, même sende de todes é má dagente do douts gajes quaisquerres. Agente de stubal éq semp foi páli cuand a Trróia tava a ganharr rançe. Errágente de stubal quia apanharr conquilha e amêjoa, quenchia a prraia do férri até à bola de nívea, meme ca água chei da pintelhe de velha e alfrreca. Érrem os casalinhes de stubal quíém pás dunas amandarr gandas

foêrrádas. E tamém érrem os mirrones de stubal quíen palá verr os casalinhes amandarrem gandas foêrrádas.. E atão agórra agent vai dêxarr carrobem isso tudo dagente só paq mêa dúzia de filhas da puta possem terr casas novas meme em cima da prraia. Deve serr pa irrem ó ligueirrão da marrquise cuande chegarrem as marrés vivas...

 

Abjáboca se vou masé deixaar dirr ós demingues pá Trróia, pá gajinhe. Nem que vá do bót mas eles que ssafodem. E léve o fgarrêrre pássarr massacotes, o chapéu da olá e o rád póóvirr o vtórria. E cada vez que vaia, enfie tóneirras dos choques da arreia páqueles riquinhes cabrrões todos pizárrem até cus pés deles parrecerrem salmenetes ratados pum chôc. E já na mate más alforrecas. Aquil queles tarrem a fazerr cagente tá palá da bóia. A prraia da Trróia é tante dos de stúbal como de qualquerr vase da merda. Ó mais. Agent devia erra fazer uma mafestação da Trróia e cagarr à porrta das casas novas deles. Tunga.

 

Gandas panas da cabrrões.

 

 

Mestre Calafate

 

(...)"

 

Via Olheiros de Setúbal



publicado por olhar para o mundo às 16:11 | link do post | comentar

 



Letra

 

a dança

polo norte

Composição: Indisponível

Chegaste de passos apertados
Os olhos embargados
Cheios de medos teus
Pediste que te levasse a magoa
E que te tocasse a alma
Olhando para os meus

Apertei-te contra ao peito,
num abraço perfeito

A rua como companhia
Às vezes escura e fria
Pura realidade
Ninguém olha p'ra ti
Com olhos de gente
Ate mesmo indiferente
A quem és de verdade
Esquece o teu mundo lá fora
É hora de ir dançar

(Refrão)

Esta noite dança só p'ra mim
Que esta dança nunca tenha fim
São asas que me dás
Levam alto p'ra longe

Esquece o teu mundo lá fora
É hora de ir dançar

Esta noite dança só p'ra mim
Que esta dança nunca tenha fim
São asas que me dás
Levam alto

Esta noite dança só p'ra mim
Que esta dança nunca tenha fim
São asas que me dás
Levam alto p'ra longe
até de mim
até de mim



publicado por olhar para o mundo às 12:02 | link do post | comentar

Quarta-feira, 26 de Agosto de 2009

 

Lisboa Gay até de madrugada

 

 

Hotéis, bares, discotecas, praias e agências de viagens para homossexuais. É um turismo em crescimento na cidade. O i visitou os locais onde um gay se sente em casa. De manhã à noite

 

 Le suite- requinte e descrição 


Quem chega de malas na mão é recebido por David Gonzalez, um espanhol que há três anos trocou Paris por Lisboa. Tem 36 anos, uma carreira em Marketing que deixou para trás e dá-nos as boas vindas ao balcão do bistrôt Les Mauvais Garçons, no nº 35 da Rua da Rosa. 

O café parisiense serve de recepção aos quatro apartamentos que David criou a pensar numa comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais) "com bom gosto e uma exigência cultural mais elevada". O prédio, de 1923, foi totalmente remodelado e tem 4 andares, cada um com um apartamento. São três T2 e um T0, mobilados e preparados para que "todos se sintam em casa, ou melhor, se possível". São elegantes, modernos e não lhes falta nada: écran de televisão LCD, leitor de DVD, ar condicionado, internet wireless, máquina de café e até uma torradeira. Se ficar hospedado no T0, no último andar do prédio, pode desfrutar de um terraço com vista para o Bairro Alto e para o Castelo de São Jorge. Mas não pense que é preciso ser gay para ficar hospedado no Le Suite. Nada disso. Toda a gente é bem-vinda, porque afinal a ideia "é integrar, não é separar". "O objectivo é que todos se sintam bem, à vontade, livres de preconceitos." Tudo é feito com descrição e qualquer hóspede pode levar quem quiser, a qualquer hora - até porque a entrada para os apartamentos é independente e cada cliente tem uma chave da porta principal. 

Apesar da obrigatoriedade de ficar pelo menos duas noites e dos 125 euros diários (90 na época baixa), "desde de Março que a ocupação tem estado a 85%, o que é óptimo". Quanto à publicidade, a melhor é a que é feita "boca-a-boca." "Já cá tive muita gente que veio recomendada por amigos e conhecidos, pessoas dos cinco continentes, que às vezes regressam uma e duas vezes ao Le Suite." Saiba mais em www.suitesbairroalto.com

Anjo azul- sem pudores 

"Num hotel gay é normal um homem sair nu do quarto." Quem garante é Luís Miguel, dono do Hotel Anjo azul, no Bairro Alto. "Este não é um hotel gay friendly, é um hotel gay." E ponto final. O aviso é dado para que não haja confusão ou queixas por parte de quem procura um lugar para passar a noite.

Os quartos, ricos em fotografias artísticas masculinas, foram decorados a pensar na intimidade, com pormenores tão subtis como almofadas em forma de coração. É que aqui, nunca se sabe quando se pode ter companhia. "Os hóspedes sentam-se na recepção a ver quem entra e se alguém lhes agradar, eles perguntam o número do quarto e deixam recados debaixo da porta." É assim que se engata no Hotel Anjo Azul.

Este é um dos três hotéis de Luís Miguel. O Hotel Luar, ainda que não o seja assumidamente, é virado para a comunidade lésbica. A Pensão Globo, que brevemente passará a chamar-se Anjo Azul II, segundo Luís Miguel, "já não é tão gay como os outros, tem mais clientela heterossexual".

No Anjo Azul qualquer pessoa pode entrar, desde que aceite as condições do hotel. Mas nem sempre foi assim. Em 1998, era interdita a entrada a mulheres o que "originou muitas confusões com os clientes que queriam trazer amigas lésbicas para cá". Luís Miguel acabou por ceder e hoje elas também podem frequentar o hotel. No entanto, a maioria da ocupação dos quartos é feita por homens. O dono do hotel explica a baixa taxa de ocupação feminina: "É a loucura do sexo, é disso que eles vêm à procura, as mulheres são diferentes." Saiba mais em www.anjoazul.com

Aqui vou eu para costa 

Depois de instalado no Anjo Azul ou no Le Suite, nada como passar um dia a torrar ao sol. A Praia 19, na Costa da Caparica, uns metros depois da Praia do Rei, é discreta, longe de tudo e com pouca confusão. Não há enchentes de famílias inteiras de lancheira às costas, nem crianças aos berros e a jogar à bola. É frequentada por todo o tipo de pessoas, mas os gays estão em maioria. Não se admire se no meio das dunas ou da vegetação encontrar uns casais em confraternizações pouco púdicas. O sexo livre faz parte do ADN da praia. Mas falemos da oferta de restauração: se quiser comer ou beber terá de ir à praia da Bela Vista (antes da 19) ou à Terminus (a seguir), porque aqui... não há bares nem cafés.

Está na hora de comer

Tem duas opções, para bolsos diferentes, ambos no Bairro Alto. O restaurante Pap'Açôrda, que oferece o melhor da gastronomia portuguesa, com especialidades capazes de o fazer chorar de contentamento: filetes de sardinha panados; bife de atum à portuguesa; pastel de perdiz; açorda de lagosta e gambas, entre muitas outras iguarias. Tudo por 50 euros (preço médio por pessoa). Para uma refeição mais em conta, mas igualmente saborosa, vá ao Põe-te na Bicha (sim, o nome é mesmo este), na Travessa da Água-Flor, 36. Por 20 euros (preço médio) pode comer uma massinha de cherne ou cabrito com castanhas. E se lá for a uma quinta-feira, experimente um "bife à bicha" ao som de um piano gingão.

Ao serão

Antes de ir a correr para uma discoteca, convém andar um bocadinho a pé, beber um digestivo e socializar. Pode aproveitar as subidas e descidas do Bairro Alto para fazer a digestão e conhecer todo o tipo de bares que esta zona tem para oferecer. Pelo sim pelo não, aqui fica uma sugestão: o Maria Caxuxa, na Rua da Barroca, nº 6-12, é acolhedor e ao mesmo tempo espaçoso, o que não é para todos.

Para dançar até cair 

São duas da manhã, o Bairro Alto começa a fechar as portas mas a noite ainda agora começou. Pegue nela, leve-a até à discoteca Trumps (Rua da Imprensa Nacional, 104B) e dance até ser dia.

Como viajar

Com dois anos de existência, esta agência de viagens é especializada em turismo LGBT (www.colourtravel.com.pt). Segundo Nuno Moreira, director da agência, "o objectivo é proporcionar um atendimento diferente, já que a comunidade LGBT é mais exigente do que a heterossexual". "Para além dos serviços normais que qualquer agência tem, damos acompanhamento personalizado e temos pacotes de viagens que incluem as festas e celebrações LGBT em todo o mundo."

Exemplo disso é a White Latin Party, no México, que se realiza de 17 a 20 de Setembro, e para a qual a Colour Travel já tem 23 marcações. "Muitas pessoas aproveitam as festas e as Pride para fazer férias, pelo que temos pacotes que incluem não só alojamento, mas também um roteiro LGBT de restaurantes, praias, actividades culturais e de lazer." 

A agência tem parcerias com vários hotéis, quer no estrangeiro, quer em Portugal. Cá, a Colour Travel trabalha com hotéis gay friendly, como a York House, o Bairro Alto Hotel, o Fontana Park, entre outros. E se não sabe, fique a saber que já existem companhias aéreas com este conceito: dar à comunidade LGBT um tipo de atendimento diferente, mais personalizado, como a Air France ou a Continental, nos EUA, que chega mesmo a ter um check in e salas de espera diferentes para gays, bem como preços mais atractivos. Mas não é a única empresa a fazer promoções para este mercado: a Disney World e a Euro Disney têm pacotes de férias de uma semana pensados especialmente para a comunidade GLBT. 

Discriminação? Talvez, mas Nuno Moreira explica: "A própria existência de uma agência de viagens especializada em LGBT é discriminatório, mas a verdade é que as outras agências não estão sensibilizadas para o tipo de lazer que esta comunidade procura, para as festas que existem por todo o mundo, por exemplo." Em Espanha existem cerca de 30 agências de viagem especializadas em turismo LGBT. 

Mas a oferta não fica por aqui. A nível internacional existem várias opções. Se sonha com um cruzeiro gay para qualquer parte do mundo, não se preocupe, a Atlantis (www.atlantisevents.com) trata de tudo.

 

Via ionline



publicado por olhar para o mundo às 15:43 | link do post | comentar



Letra

 

paixão

rui veloso

Composição: Indisponível

Tu eras aquela que eu mais queria
P'ra me dar algum conforto e companhia
Era só contigo que eu sonhava andar
P'ra todo o lado e até quem sabe?
Talvez casar

Ai o que eu passei, só por te amar
A saliva que eu gastei para te mudar
Mas esse teu mundo era mais forte do que eu
E nem com a força da música ele se moveu

Refrão:
Mesmo sabendo que não gostavas
Empenhei o meu anel de rubi
Para te levar ao concerto
Que havia no rivoli

Era só a ti que eu mais queria
Ao meu lado no concerto nesse dia
Juntos no escuro de mão dada a ouvir
Aquela música maluca sempre a subir

Mas tu não ficaste nem meia-hora
Não fizeste um esforço p'ra gostar e foste embora
Contigo aprendi uma grande lição
Não se ama alguém que não ouve a mesma canção

Refrão

Foi nesse dia que percebi
Nada mais por nós havia a fazer
A minha paixão por ti era um lume
Que não tinha mais lenha por onde arder

Refrão




publicado por olhar para o mundo às 11:59 | link do post | comentar

Terça-feira, 25 de Agosto de 2009

 Ela gosta de sexo na piscina

 

O actor norte-americano Brad Pitt declarou que a Angelina Jolie gosta de fazer amor na piscina, mas não em qualquer uma. O casal mais sexy de Hollywood confessou que gosta de fazer sexo numa gruta secreta na sua piscina privada. Brad Pitt e Agelina Jolie não só são ricos e famosos como também têm uma vida sexual bastante activa. “Procuramos sempre algum tempo livre. É muito importante para qualquer relação” afirmou o protagonista de Tróia ao jornal alemão “Bild”.

 

Via Ionline



publicado por olhar para o mundo às 20:15 | link do post | comentar



Letra

 

maria faia

zeca afonso

Composição: Indisponível

Eu não sei como te chamas 
Oh Maria Faia! 
Nem que nome te hei-de eu pôr 
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

Cravo não, que tu és rosa
Oh Maria Faia!
Rosa não, que tu és flor
Oh Maria Faia, oh Faia Maria!

Não te quero chamar cravo
Que te estou a engrandecer,
Chamo-te antes espelho
Onde espero de me ver. 

O meu abalou
Deu-me uma linda despedida,
Abarcou-me a mão direita
Adeus oh prenda querida.




publicado por olhar para o mundo às 11:50 | link do post | comentar

Segunda-feira, 24 de Agosto de 2009

Instalando o AMOR

 

Cliente: Alô... é do Sector de "Atendimento ao Cliente"???


Operadora:Boa tarde Senhora. Em que lhe posso ser útil?

Cliente: Comprei o seu programa AMOR, mas até agora não consegui instalar. Eu não sou técnica no assunto, mas acho que posso instalar com a sua ajuda. O que eu devo fazer primeiro?

Operadora:O primeiro passo é abrir o seu CORAÇÃO. A senhora encontrou seu CORAÇÃO?

Cliente: Sim, encontrei. Mas há diversos programas funcionando agora. Tem algum problema em instalar o AMOR enquanto outros programas estão funcionando?

Operadora:Que programas estão funcionando, senhora?

Cliente: Deixe-me ver... Eu tenho BAIXA ESTIMA.EXE, RESSENTIMENTO.COM, ODIO.EXE e RANCOR.EXE funcionando agora.

Operadora:Nenhum problema. O AMOR apagará automaticamente RANCOR.EXE de seu sistema operacional actual. Pode ficar em sua memória permanente, mas não vai causar problemas por muito tempo para outros programas. O AMOR vai reescrever BAIXA ESTIMA.EXE em uma versão melhor, chamada AUTO ESTIMA.EXE. Entretanto, a senhora tem que desligar completamente o ODIO.EXE e RESSENTIMENTO.COM. A senhora pode desligá-los?

Cliente: Eu não sei como desligá-los. Você pode me dizer como?

Operadora:Com prazer! Vá ao Menu e clique em PERDAO.EXE. Faça isso quantas vezes forem necessárias, até o ODIO.EXE e RESSENTIMENTO.COM serem apagados completamente.

Cliente: Ok! Terminei! O AMOR começou a instalar-se automaticamente. Isso é normal?

Operadora:Sim, é normal. A senhora deverá receber uma mensagem dizendo que reinstalará a vida de seu coração. A senhora tem essa mensagem?

Cliente: Sim, eu tenho. Está completamente instalado?

Operadora: Sim. Mas lembre-se: a senhora só tem o programa de modelo básico. A senhora precisa começar a se conectar com outros CORAÇÕES a fim de obter melhoramentos.

Cliente: Oh! Meu Deus! Eu já tenho uma mensagem de erro. Que devo fazer?

Operadora:O que diz a mensagem?

Cliente: Diz: "ERRO 412 - O PROGRAMA NÃO FUNCIONA EM COMPONENTES INTERNOS". O que isso significa?

Operadora:Não se preocupe, senhora. Este é um problema comum. Significa que o programa do AMOR está ajustado para funcionar em CORAÇÕES externos, mas ainda não está funcionando em seu CORAÇÃO. É uma daquelas complicadas coisas de programação, mas em termos não-técnicos, significa que a senhora tem que "AMAR" sua própria máquina antes que possa amar outra.

Cliente: Então, o que devo fazer?

Operadora:A senhora pode achar o directório chamado "AUTO ACEITAÇÃO"?

Cliente: Sim, encontrei.

Operadora:Excelente! A senhora está ficando óptima nisso!

Cliente: Obrigada!

Operadora:De nada. Faça o seguinte: clique nos arquivos BONDADE.DOC, AUTO ESTIMA.TXT, VALORIZE-SE.TXT, PERDÃO.DOC e copie-os para o directório "MEU CORAÇÃO". O sistema irá reescrever todos os arquivos em conflito e começará a consertar a programação defeituosa. Também a senhora precisa apagar AUTO CRITICA.EXE de todos os directórios e depois esvazie a sua lixeira para certificar-se de que nunca voltem.

Cliente: Consegui! Meu CORAÇÃO está cheio de arquivos realmente puros! Eu tenho no meu monitor, agora, o SORRISO.MPG e está mostrando que PAZ.EXE, CONTENTAMENTO.COM e BONDADE.COM foram instalados automaticamente no meu CORAÇÃO.

Operadora: Então, terminamos! O AMOR está instalado e funcionando, Ah! Mais uma coisa antes de eu ir.

Cliente: Sim?

Operadora:O AMOR é um programa grátis.
Faça o possível para distribuir uma cópia de seus vários modelos a quem a senhora encontrar e, dessa forma, a senhora receberá de volta dessas pessoas novos modelos verdadeiramente puros.

CLIENTE: OBRIGADA PELA SUA AJUDA!

 
Via  BOULEVARD OF BROKEN DREAMS



publicado por olhar para o mundo às 15:15 | link do post | comentar



Letra

 

a formiga no carreiro

josé afonso

Composição: José Afonso

A formiga no carreiro
vinha em sentido contrário
Caiu ao Tejo
ao pé de um septuagenário

Lerpou trepou às tábuas (bis)
que flutuavam nas águas (bis)
e do cimo de uma delas
virou-se para o formigueiro
mudem de rumo (bis)
já lá vem outro carreiro 

A formiga no carreiro
vinha em sentido diferente
caiu à rua
no meio de toda a gente 

buliu abriu as gâmbeas
para trepar às varandas
e do cimo de uma delas
... 

A formiga no carreiro
andava à roda da vida
caiu em cima
de uma espinhela caída 

furou furou à brava
numa cova que ali estava
e do cimo de uma delas



publicado por olhar para o mundo às 12:46 | link do post | comentar

 

19:55 Terça-feira, 11 de Ago de 2009
 

Numa altura em que o vírus da sida está na ordem do dia, seja devido à descoberta de novos meios de prevenção ou à sua total descodificação, alguns parecem ainda acreditar em formas alternativas de cura.

- "Têm cá alguém infectado com o vírus da sida?"

O profeta anuiu.

- "Gladysa", chamou, "chega aqui!"

A rapariga surgiu do meio da multidão que nos observava e dirigiu-se até nós.

- "Está cá há 3 semanas e está curada".

- "Como é que sabem que está curada?" perguntei.

- "Eu sei que está", afirmou categoricamente, "mas vamos mandá-la ao hospital na próxima semana, para confirmar".

Numa altura em que o virus da sida está na ordem do dia, seja devido à descoberta de novos meios de prevenção ou à sua total descodificação , alguns parecem ainda acreditar em formas alternativas de cura.

São inúmeros os prayers camps que se espalham pelos arredores de Accra. Face ao elevado custo dos serviços de saúde, que os torna inacessíveis a grande parte da população, estas comunidades constituem a última alternativa de pessoas que padecem das mais variadas enfermidades.

Entregam-se a um auto-intitulado profeta e aos seus assistentes, acreditando piamente que a oração as curará dos seus males.

Se rezar basta, porque é que tantos cientistas dedicam as suas vidas a tentar descobrir a solução para aquele que é, talvez, o pior vírus que alguma vez atacou a humanidade?

Via Tou cá c'uma Gana



publicado por olhar para o mundo às 07:41 | link do post | comentar

Domingo, 23 de Agosto de 2009

Orgasmo, voce é um ser humano

 

Aprenda em NÃO fazer amor como um ator pornô


Acabe com a pressão e pense no seu pênis apenas como mais uma ferramenta do seu kit de sobrevivência sexual. Enfoque em penetrações rasas. Na posição papai-mamãe (onde ela fica embaixo e você por cima), use apenas a ponta de seu pênis para penetrar a entrada vaginal. Deixe que seu membro descanse dentro dela. (Se você fica desconfortável nesta posição pode se ajoelhar ou sentar na frente da vulva dela.) Atrase. Enrole. Serpenteie. Fique perto da entrada.

Pressione seu polegar contra o clitóris e gentilmente mova-o de um lado para o outro enquanto você a penetra com estocadas curtas e rasas. Ou pressione todo o comprimento de seu pênis contra o clitóris dela e gentilmente esfregue-o pelas dobras de seus lábios sem sequer penetrá-la. Quando você penetrá-la profundamente, pressione o osso da sua pélvis contra o clitóris dela e mantenha esta posição.

 

Via WIKI!



publicado por olhar para o mundo às 21:32 | link do post | comentar

 



Letra

 

não há estrelas no céu

rui veloso

Composição: Carlos Tê / Rui Veloso

Não há estrelas no céu a dourar o meu caminho,
Por mais amigos que tenha sinto-me sempre sozinho.
De que vale ter a chave de casa para entrar,
Ter uma nota no bolso pr'a cigarros e bilhar?

[Refrão]
A primavera da vida é bonita de viver,
Tão depressa o sol brilha como a seguir está a chover.
Para mim hoje é Janeiro, está um frio de rachar,
Parece que o mundo inteiro se uniu pr'a me tramar!

Passo horas no café, sem saber para onde ir,
Tudo à volta é tão feio, só me apetece fugir.
Vejo-me à noite ao espelho, o corpo sempre a mudar,
De manhã ouço o conselho que o velho tem pr'a me dar.

[Refrão]

Hu-hu-hu-hu-hu, hu-hu-hu-hu-hu.

Vou por aí às escondidas, a espreitar às janelas,
Perdido nas avenidas e achado nas vielas.
Mãe, o meu primeiro amor foi um trapézio sem rede,
Sai da frente por favor, estou entre a espada e a parede.

Não vês como isto é duro, ser jovem não é um posto,
Ter de encarar o futuro com borbulhas no rosto.
Porque é que tudo é incerto, não pode ser sempre assim,
Se não fosse o Rock and Roll, o que seria de mim?

[Refrão]

Não há-á-á estrelas no céu...



publicado por olhar para o mundo às 12:43 | link do post | comentar

Sábado, 22 de Agosto de 2009

 Orgasmo, use estimulos orais e manuais

 

Passe pela janela de 90 segundos


Antes de passar para a penetração genital e orgasmo, use estímulos manuais e orais para trazê-la o mais perto possível do ponto de inevitabilidade orgástica, ou, o ponto sem retorno. A posição do sexo oral é excelente para observar os sinais visíveis da excitação, especialmente quando as luzes estão acesas. Os mais específicos são o escurecimento da cor e aumento de umidade nos lábios internos dela e a contração do clitóris, ambos sinais de que ela está a 90 segundos do clímax. Mesmo no escuro, não é difícil observar quando a glande se retrai. Preste atenção como sente quando a glande está totalmente saltada e ereta e será fácil reconhecer sua ausência.

Quando ela estiver na janela de 90 segundos, tente a posição dela sobre você. Como um excelente método para orgasmos múltiplos, essa posição é ideal para ela porque: posiciona o clitóris dela contra o seu osso pubiano na base de seu pênis e dá a quantidade ideal de pressão; estimula o clitóris contra o seu pênis; controla o ritmo e passo e modula a experiência do orgasmo.

Você também pode tentar a Técnica do Alinhamento do Coito (TAC). Essa posição sexual aumenta a chance do orgasmo da mulher através da penetração vaginal e aprimora a posição papai-e-mamãe. Durante a TAC, o 
homem penetra de um ângulo mais alto do que o comum, colocando pressão no clitóris da mulher com a base do pênis o osso pubiano. Quando estiver fazendo o TAC, o mais importante é manter em mente o contato com o clitóris. O movimento passa a ser um balanço para frente e para trás ao invés de estocadas, com foco no clitóris e a base do pênis.


Você já tocou, agora vamos atingi-lo diretamente

Felizmente, o ponto G, que ganhou este nome em referência ao Dr. Ernest Grafenberg, é mais uma área do que um ponto. Localizado no teto vaginal, com o diâmetro de uma pequena moeda, você pode senti-lo inchar durante a excitação. O ponto G responde a estímulo mais firme do que o clitóris e apesar de seu estímulo melhorar ou aprofundar a satisfação clitoridiana, isso não vai ocorrer independentemente do clitóris. Algumas pesquisas recentes indicam que o ponto G não é nada mais do que a raiz final do clitóris.

 

Via WIKI!



publicado por olhar para o mundo às 21:34 | link do post | comentar



Letra

 

pedro abrunhosa

Composição: Pedro Abrunhosa

Uma espécie de céu
Um pedaço de mar
Uma mão que doeu
Um dia devagar
Um Domingo perfeito
Uma toalha no chão
Um caminho cansado
Um traço de avião
Uma sombra sozinha
Uma luz inquieta
Um desvio na rua
Uma voz de poeta
Uma garrafa vazia
Um cinzeiro apagado
Um hotel na esquina
Um sono acordado
Um secreto adeus
Um café a fechar
Um aviso na porta
Um bilhete no ar
Uma praça aberta
Uma rua perdida
Uma noite encantada
Para o resto da vida

(Refrão)
Pedes-me um momento
Agarras as palavras
Escondes-te no tempo
Porque o tempo tem asas
Levas a cidade
Solta me o cabelo
Perdes-te comigo
Porque o mundo é o momento
(repete)

Uma estrada infinita
Um anuncio discreto
Uma curva fechada
Um poema deserto
Uma cidade distante
Um vestido molhado
Uma chuva divina
Um desejo apertado
Uma noite esquecida
Uma praia qualquer
Um suspiro escondido
Numa pele de mulher
Um encontro em segredo
Uma duna ancorada
Dois corpos despidos
Abraçados no nada
Uma estrela cadente
Um olhar que se afasta
Um choro escondido
Quando um beijo não basta
Um semáforo aberto
Um adeus para sempre
Uma ferida que dói
Não por fora, por dentro


(Repete o refrão 2x)

 



publicado por olhar para o mundo às 12:39 | link do post | comentar

Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009

Malas de mulher

 

Há uns dias fui fazer um trabalho com uma colega de profissão e de blogue. O que fomos fazer e onde fomos vai permanecer em segredo por questões de segurança.

A segurança era de tal forma apertada que não posso mesmo contar aqui o teor do trabalho, agradeço aqui a compreensão e o benefício da certeza.

O resultado final está à vista de todos dentro no site do jornal, mas tudo o que envolva a forma como lá chegámos e o que tivemos de fazer tem mesmo de ficar entre mim e a minha companheira de profissão.

Para começar devo dizer que já estive em alguns sítios onde a segurança é apertada. Mas tanto para mim como para ela foi a primeira vez que fomos inspeccionadas dos pés à cabeça.

Passei quatro vezes por um detector de metais, depois de ter aberto tudo o que tinha na minha (gigante) mala, para ver o que apitava. Os meus inocentes sapatos (de salto alto, obviously) eram os responsáveis.

Recomendo aos aeroportos onde passei nos últimos dias que comprem aquela máquina, é que eu tinha acabado de vir de férias e os mesmos sapatos passaram sem dar nas vistas por três aeroportos.

Depois de passarmos pela máquina de detectar metais e mostrarmos o material que levávamos, tínhamos uma última etapa: mostrar a mala. (O que para mulheres é sempre uma coisa complicada)

Confesso que comecei logo a corar com a ideia de que iam ver que tinha pensos higiénicos espalhados pela mala espalhados entre milhares de mil e uma porcarias. O senhor da segurança foi muito simpático, mas não deixou de sorrir quando viu que eu tinha uma bolsa só para maquilhagem. "Isto é tudo maquilhagem?!", perguntou. "Sim", disse eu meio envergonhada.

Mas o melhor veio no fim, quando saímos depois de dar o trabalho por terminado. À saída tínhamos de tirar, de uma caixa de segurança, todos os objectos que não puderam entrar. No meu caso, a bolsa da maquilhagem, um creme para as aftas e uma amostra de esfoliante.

Para meu espanto encontro uma gillete na dita caixa. "Mas quem é que vem para o trabalho com uma gilete?", exclamo eu, pensando que o objecto seria de alguém que trabalhava naquele lugar.

Eis quando a minha colega se vira para mim com um ar envergonhado: "É minha, é que vou ao ginásio mais logo..."

Via A vida de saltos altos

 



publicado por olhar para o mundo às 15:55 | link do post | comentar



Letra

 

I- Acabei por ter
Um fraco por ti
Que foi como veio
E eu não percebi

Pergunto como está
A velha certeza
Será que tu sabes
O que correu mal

É que hoje eu já sabia dizer

REFRÃO: Ama- me, leva- me p'ra lá do meu horizonte
Falando de amor
Fala- me de amor

Segue-me, prende-me p'ra lá do meu horizonte
Falando de amor
Fala- me de amor

II- Quero-te dizer
Que ainda estou aqui
Todo o tempo à espera
De ti

Quero-te alcançar
E estou a pedir
P'ra ser como era
Quando te conheci




publicado por olhar para o mundo às 12:36 | link do post | comentar

Quinta-feira, 20 de Agosto de 2009

A Pamela Anderson e o Fetiche do fato de banho

 

 Pamela Anderson revelou à revista «Elle» que ainda usa o fato-de-banho vermelho, imagem de marca da série «Marés Vivas», para fazer sexo com o namorado.

 

«De vez em quando, vou para debaixo do chuveiro e depois vou socorrer o meu namorado», brinca a actriz que namora com o electricista Jamie Padgett.

«Já tive bons momentos com esse fato-de-banho».

sex symbol acrescenta que na adolescência não dava muita importância à maquilhagem e a outras coisas de mulher, mas era louca por sexo. «Nunca usei maquilhagem nem era muito feminina. Eu era uma ninfomaníaca», diz a actriz conhecida pelas suas atitudes ousadas.

 

Via IOL Diario



publicado por olhar para o mundo às 20:38 | link do post | comentar



publicado por olhar para o mundo às 11:56 | link do post | comentar

Quarta-feira, 19 de Agosto de 2009

Deixe seus dedos caminharem e não pare de falar


Este conselho vem da pacientes de Ian Kerner, terapeuta sexual e escritor de best-sellers sobre a sexualidade feminina. Elas disseram para ele que alguns dos seus melhores orgasmos vieram da masturbação que seus namorados aplicaram enquanto olhava para os seus olhos e "falavam sacanagens"... Não quero colocar palavras na sua boca, use a sua criatividade para isso, mas eu digo que você deve ficar confortável na sua posição, colocar a mão sobre a vulva dela e pressione contra seu monte pubiano com a base de sua palma.

Deixe que seus dedos cubram a área da vulva como uma cortina. Deixe que ela empurre a sua palma e use o indicador e o dedo médio para fazer um movimento rítmico para cima e para baixo como o gesto "vem tigrão" sobre a abertura 
vaginal. Estimule suavemente a glande clitoridiana (a "bolinha") com a ponta de seus dedos. Para maior variedade, alcance a parte interior da vagina pressionando-os lá dentro gentilmente contra o teto vaginal como se você a estivesse levantando da cama. Essa é uma maneira ideal de estimular o clitóris e o ponto G simultaneamente.

 

Via WIKI!



publicado por olhar para o mundo às 21:30 | link do post | comentar



publicado por olhar para o mundo às 12:00 | link do post | comentar

Terça-feira, 18 de Agosto de 2009

Orgasmo, caricias

 

Concentração externa


É raro o homem que se vangloria no vestiário falando "Eu fiz amor com a sutileza e leveza de uma pluma". Mas essa linguagem deveria ser apropriada, já que os dois terços da parte interna da vagina são substancialmente menos sensíveis que o outro terço externo. Concentre-se ali boa parte do tempo e saiba que o clitóris é extremamente sensível a sensações físicas e precisa ser adequadamente preparado para a estimulação intensa. Evite descer logo de cara (o trocadinho não foi proposital) e vá devagar nos seios por bons 10 a 15 minutos.

Desenvolva sua bússola clitoridiana

Quando embarcar em uma jornada à resposta sexual feminina, conheça o caminho ao redor da vulva - desde a pontinha do norte da glande clitoridiana (a "bolinha do amor"), até os limites leste e oeste dos lábios menores (internos) até as regiões sulistas do períneo (a extensão de pele macia sob a entrada da vagina) e o ânus.

Pare de pensar no clitóris como uma pequena protuberância e comece a pensar nele como um domo do prazer com uma complexa rede produtora de orgasmos, o Nirvana e o coração da sexualidade feminina.

Com mais de 8 mil fibras nervosas, o clitóris tem mais deles do que qualquer outra parte do corpo humano e interage com as 15 mil fibras nervosas que servem toda a pelves. A escritora de ciência Natalie Angier descreve a rede clitoridiana: "Nervos são como lobos ou passarinhos: Se um começa a gritar toda a vizinhança segue." 
Existe uma piada comum que diz que o cafezinho acaba com 90% da potência 
sexual do homem: Queima as pontas dos dedos e da língua. Isso é muito mais verdadeiro do que você pode imaginar...

 

Via WIKI!



publicado por olhar para o mundo às 21:28 | link do post | comentar

mais sobre mim
posts recentes

DEOLINDA - Novo disco ac...

Orq. Gulbenkian & Orq. Ge...

UHF no Cineteatro Munici...

Bar ACERT - Café-Concerto...

Tsunamiz - I Don't Buy It

Biruta - DATAS em JULHO -...

Itinerário do Sal - ópera...

Junho traz concerto de Pe...

Sarah Nery edita EP homón...

Candeio apresentam novo s...

arquivos

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Setembro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Junho 2014

Março 2014

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

tags

todas as tags

Related Posts with Thumbnails
blogs SAPO
subscrever feeds
comentários recentes
Moro no Porto gosta de saber se há este tipo de cu...
Olá Boa tarde eu ultimamente não sinto prazer sexu...
Gente me ajudem nao sei oq fazer eu tenho meu mari...
joga na minha conta entaomano
Eu es tou dwsssssssssvzjxjshavsvvdvdvsvwhsjdjdkddd...
Quero fazer uma pergunta referente ao tema e é pro...
fala comigo
Essa papelaria em Queijas da muito jeito chamasse ...
ai mano to nessa como faz???
Gostaria de saber oque fazer quando a criança nega...
Posts mais comentados